O Papa Francisco recebeu nesta segunda-feira (15) em audiência no Vaticano o primeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy, com quem falou a sós durante 24 minutos.

Francisco recebeu Rajoy na Biblioteca Privada e, após se cumprimentarem cordialmente, se sentaram frente a frente.

Nos primeiros momentos da audiência, o presidente do governo espanhol contou ao Papa que esteve no Encontro Mundial das Famílias, que aconteceu em Valência em 2006 e que foi com um de seus filhos.

Depois a porta da Biblioteca foi fechada e a imprensa não teve mais acesso à conversa.

Após o fim da audiência, entraram na sala a esposa de Rajoy, Elvira Fernández, e o séquito do chefe do governo espanhol, composto por nove pessoas, entre elas o chefe de gabinete, Jorge Moragas, e o embaixador da Espanha na Santa Sé, Eduardo Gutiérrez Sáenz de Buruaga.

Leia também:  Professora é presa após assumir assédio contra aluno especial nos EUA

Após as apresentações, Rajoy presenteou o Papa com um fac-símile do livro “De aetatibus mundi imagines”, de 1500, obra de Francisco da Holanda, feita para o rei Felipe II.

O mandatário também presenteou o pontífice com a camiseta da seleção nacional de futebol espanhola assinada por todos os jogadores.
Francisco agradeceu pelos dois presentes e quando pegou a camiseta, que abriu para ver as assinaturas, lembrou que na quarta-feira passada, durante audiência pública, também recebeu a camiseta do clube Atlético San Lorenzo de Almagro, de Buenos Aires, time do qual é sócio.

Quando se despediu do papa, Rajoy lhe disse: “supôs uma grande alegria (a audiência), estávamos necessitados dela”.

Leia também:  Deficiente físico é obrigado se arrastar por 17 degraus para subir em avião

O presidente se reuniu depois com o secretário de Estado Vaticano, o cardeal Tarcisio Bertone, ao que também presenteou uma camiseta da seleção nacional de futebol, sabendo que o “primeiro-ministro” do Vaticano é um apaixonado do “calcio” (o futebol italiano).

O governo espanhol está convencido de que a condição de latino-americano de Francisco pode imprimir uma marca especial em sua relação com a Espanha, e embora seja consciente da carregada agenda que o pontífice terá nos próximos meses, espera que possa haver uma visita o mais rápido possível.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.