Foto:Arquivo/AGORA MT
Foto:Arquivo/AGORA MT

Quarenta e oito toneladas de soja furtadas no município de Nova Mutum (264 km ao Norte) foram recuperadas pela Polícia Judiciária Civil, na quinta-feira (25.04), em Jangada (80 km ao Norte). O acusado Francisco Batista da Silva, 39, conhecido como “Paraíba”, foi preso em flagrante. Uma segunda pessoa também é investigada pelo crime de receptação qualificada.

A operação conjunta das Delegacias de Jangada e Rosário Oeste (128 km ao Norte) foi desencadeada, após denúncia de que a carga furtada teria sido descarregada no município de Jangada.

De acordo com as investigações, o motorista do caminhão que transportava os grãos teria vendido a carga para “Paraíba”. Após confirmação das informações, as equipes de investigadores conseguiram localizar a carga em um sítio na comunidade Novo Horizonte, na zona rural de Jangada.

Leia também:  Caminhonete roubada é encontrada na pista do antigo aeroporto de Rondonópolis

No local, policiais civis conversaram com pessoas que estavam trabalhando com o grão, que confirmaram que a carga pertencia a “Paraíba”. O acusado foi preso em flagrante a caminho do sítio.

Segundo o delegado de Jangada, Daniel Lucas Paranhos Machado, foi feito um auto de depósito para a transportadora responsável para apresentar a carga na Delegacia de Nova Mutum.
O motorista do caminhão está foragido e será indiciado pelo furto da carga.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.