Reunião entre o prefeito e representantes da Santa Casa - Foto: assessoria
Reunião entre o prefeito e representantes da Santa Casa – Foto: assessoria

O prefeito Percival Muniz, acompanhado da secretaria municipal de Saúde, Marildes Ferreira, se reuniu com membros da Mesa Administrativa do Hospital e Maternidade Santa Casa de Misericórdia de Rondonópolis, a fim de promover o estreitamento da relação institucional entre o município e a unidade hospitalar filantrópica.

O prefeito Percival Muniz ressaltou a necessidade de se fazer um debate amplo para esclarecer à sociedade a situação da Santa Casa, pois são destinados mensalmente à unidade hospitalar muitos recursos públicos.

“A população rondonopolitana, que contribui com doações ou através dos repasses de recursos público, tem o direito de saber se a Santa Casa tem dono ou não, como são escolhidos seus provedores e se o melhor é manter como está hoje? Ou transformá-la em pública? Enfim, discutir o que for o melhor que se deve fazer!”, frisou Percival.

Leia também:  Rondonópolis sediará pela 1ª vez a Maratona de Negócios Criativos

A Santa Casa é a única unidade de saúde de Rondonópolis que atende ao mesmo tempo pacientes do SUS e convênios particulares. Percival, também, reafirmou que não é contrário a Santa Casa manter convênios com planos de Saúde.

“Não sou contrário, mas não compreendo porque os pobres entram pelos fundos e os ricos pela frente. E o município, que paga o serviço, não poder fazer nada para mudar essa situação, não tem poder para interferir. Então, faz-se necessário definir se a Santa Casa é realmente do povo, de quem é o patrimônio, pois todos os anos são investidos lá milhões de recursos públicos”, explicou Percival.

O provedor da Santa Casa, Fausto Del Claro, disse que direção atual da Santa Casa também tem interesse em esclarecer essa situação da Santa Casa junto à população de Rondonópolis. “Temos interesse em esclarece essa situação”, garantiu Del Claro, que estava acompanhado na reunião do vice-presidente, Luciano Muchagato; do diretor-financeiro, Jacques Polet; e o diretor-técnico, José Spila Neto.

Leia também:  Unidade Caic realiza palestra sobre saúde da mulher na quinta

Ele informou, ainda, que a Santa Casa de Misericórdia e Maternidade de Rondonópolis foi fundada pelo Rotary Clube. “O estatuto de criação, que é de 40 anos atrás, estabeleceu que fosse constituída uma Associação de direito privado e que faz parte da irmandade membros do Rotary Clube de Rondonópolis”, assinalou.

Fausto, também, disse a Santa Casa que estreitar a parceria com o município e manter o diálogo permanente.“Infelizmente, a antiga administração não permitiu que mantivéssemos contato direto, não tinha diálogo. Mas, queremos restabelecer, pois estamos à disposição da sociedade rondonopolitana, em relação à prestação de serviços ligados à saúde, principalmente os de urgência e emergência”, comentou Fausto Del Claro, acrescentando que a reunião com o prefeito Percival Muniz e a secretária de Saúde Marildes Ferreira foi positiva, no sentido de estreitar laços.

Leia também:  Falta de placas de identificação em ruas dificulta localização em bairros

Marildes, também, avaliou positivamente a reunião com os provedores da Santa Casa, pois contribuiu para diálogo respeitoso entre o poder público e a  administração da Santa Casa, consequentemente, o aprimoramento dos serviços oferecidos ao município.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.