Frente  delegacia 01
Delegacia Especializada em Roubos e Furos (DERF) – Foto: Varlei Cordova/AGORA MT

 

A Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Rondonópolis deflagrou, na manhã desta segunda-feira, a operação “Sem Teto”, com o objetivo de desarticular uma quadrilha envolvida com a venda ilegal de lotes de terra na cidade. Cinco mandados de busca e apreensão e quatro de prisão temporária foram cumpridos na operação.

Entre os presos estão o advogado Ângelo Bernardino de Mendonça, 33, o engenheiro agrônomo, Alberto Inocêncio, 35, Wagner Santos, 33, e Daniel Fernandes dos Reis, 43, conhecido como “Jacaré”.

Segundo as investigações, os acusados vêm praticando o golpe a cerca de um ano. O advogado Ângelo aproveitou que o terreno pertencente a uma empresa foi invadido por “Sem Tetos”, para ilegalmente fazer a comercialização dos lotes. A reintegração de posse do terreno para a empresa, já havia sido determinada pela Justiça.

Leia também:  Caminhoneiro é preso transportando quase 7 toneladas de maconha para Rondonópolis

O engenheiro Alberto fazia a demarcação do terreno e os acusados Wagner e Daniel ficavam responsáveis pela comercialização dos lotes. Os lotes eram vendidos por R$ 9,5 mil, divididos em até 36 vezes, através da empresa “Impactos Empreendimentos”, instalada no escritório do advogado.

O delegado da DERF Rondonópolis, Claudinei Souza Lopes, irá receber a imprensa, nesta segunda-feira, às 15 horas, para prestar maiores informações sobre o caso.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.