Corredor da escola onde o crime ocorreu - Foto: José Antônio Araújo / GORA MT
Corredor da escola onde o crime ocorreu – Foto: José Antônio Araújo / GORA MT

O  fato aconteceu por volta das 16h30 da tarde desta sexta-feira (24) na unidade Escolar São José, a entidade fica localizada no Bairro São José. De acordo com uma testemunha um homem aparentando ter em torno de 18 anos , aproveitou o portão de entrada que estava aberto e seguiu pelos corredores da escola passando em frente a cada sala de aula com uma arma de fogo, ao ver suspeito a coordenadora da unidade o chamou e perguntou o que deseja, no mesmo momento ele se virou e foi em  direção a mesma, dizendo que queria falar com a diretora da escola.

Ao ser informado onde  a mesma estava, o ladrão foi até a cozinha onde rendeu a coordenadora e também a diretora, o marginal mandou as duas vítimas a se deitarem no chão, e com uma arma apontada para sua cabeça a diretora da unidade Sandra Regina foi obrigada a entregar os pertences, como aliança, celulares e outros objetos, uma funcionária que estava em outra sala, percebeu a movimentação e logo chamou a polícia, quando as viaturas  chegaram ao local, o elemento já tinha foragido em uma motocicleta.

Leia também:  Mulher é presa em posto de combustível abastecendo veículo furtado

Os professores  que estavam em sala de aula só perceberam que algo tinha acontecido  após  verem o desespero das vítimas que estavam em pânico.

Outra funcionária  que também chegou a  ver o assaltante minutos antes passeando pela escola, disse  que o mesmo estava bem vestido, usando um boné e calça jeans e nem parecia ser um marginal.

 

A unidade escolar possui sete salas do ensino fundamental e cerca de trezentos alunos estavam em sala de aula no momento do crime, a policia militar registrou a  ocorrência mas até o momento o suspeito não foi localizado.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.