As juízas eleitorais Maria da Graça e Maria Mazarello e corregedora Maria Helena - Foto: Ricardo Costa / AGORA MT
As juízas eleitorais Maria da Graça e Maria Mazarello e corregedora Maria Helena – Foto: Ricardo Costa / AGORA MT

A vice-presidente e Corregedora do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE), Maria Helena Gargaglione Póvoas, esteve em Rondonópolis nesta sexta-feira (17) para convocar a população para fazer o recadastramento eleitoral.

De acordo com a corregedora é de suma importância que os eleitores compareçam nos Cartórios para realizar o procedimento, já que nas eleições de 2014 o sistema adotado na cidade é o da biometria, que fará a leitura das digitais (leia aqui).

Devido ao número de cerca de 140 mil eleitores, a corregedora frisa que é importante que as pessoas não deixem para última hora para não sobrecarregar o sistema e nem a espera devido as grandes filas. Segundo a corregedora Rondonópolis servirá como um sensor, pois ela é a maior cidade do Estado a ter esse sistema implantado.

Leia também:  Casario recebe o evento gospel Bendize no sábado (12)

“O TRE vai avaliar como o sistema irá funcionar em Rondonópolis para que depois possa ser implantado em Várzea Grande e Cuiabá”, alega. A corregedora também pediu o apoio dos partidos políticos para que eles possam orientar os militantes para vir fazer esse cadastro, mesmo porque se no fim do processo houver uma redução significativa no eleitorado isso influenciará no número de vereadores.

A juíza eleitoral, Maria Mazarello, que também esteve presente na reunião contou que para chamar a atenção dos eleitores também serão realizados atendimentos itinerantes em locais públicos e em empresas particulares.

“Firmamos uma parceria com a prefeitura da cidade e uma equipe ficará disponível na Secretária de Habitação para que no momento em que as pessoas forem fazer a inscrição da casa própria, elas aproveitem para realizar o recadastramento eleitoral”, fala.

Leia também:  Receita Municipal informa que ITR deve ser declarado a partir do dia 14

BIOMETRIA

O cadastro biométrico é um processo da revisão do eleitorado que tem como finalidade atualizar e apurar a quantidade de eleitores da cidade, em razão que muitas pessoas já faleceram e outras não moram mais no município.

Os eleitores devem procurar os cartórios eleitorais para realizar a atualização cadastral das 7h30 às 17h, de segunda a sexta-feira. Os títulos que não forem atualizados até 14 de fevereiro de 2014 serão automaticamente cancelados e sendo assim, os titulares não poderá tomar posse em cargo público, se inscrever em instituições de ensino de nível superior, tirar passaporte, entre outros.

Para o recadastramento o eleitor tem que apresentar os documentos pessoais e comprovante de residência que pode ser uma nota fiscal, extrato bancário ou um documento que foi entregue pelos correios.

Leia também:  Escola pega fogo e alunos ficam sem aula na Vila Operária
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.