Show na Praça dos Carreiros
Foto: Ricardo Costa/AGORAMT

 

O primeiro “Canta Rondonópolis”, reuniu músicos de Rondonópolis, na Praça dos Carreiros. Cerca de 40 artistas de diversos gêneros participaram do evento realizado às 16h30 de hoje (26), na Praça dos Carreiros.

De acordo com Amélia Stefanini, o evento tem o objetivo de chamar a atenção do poder público para o abandono da praça. “É preciso buscar recuperação da praça com o cunho de devolvê-la a população, pois é um dos cartões postais da cidade que está abandonado e entregue aos moradores de rua”, explicou.

As premiações de instrumentos musicais e dinheiro foram sorteados entre os participantes, que tiveram a oportunidade de cantar uma ou duas músicas.

Na avaliação do músico, Max Ferraz,  foi uma ótima oportunidade de se descobrir os talentos prata da casa e resgatar antigos talentos. “A cidade precisa de mais oportunidades para os músicos se apresentarem em locais abertos, para a população os conhecer gratuitamente”, falou.

Leia também:  Finanças apresenta prestação de contas à sociedade

Segundo William Washington, espectador do evento, a praça deveria ser um local para as pessoas se divertirem “É uma vergonha, um local que tem parte da história da cidade estar abandonado, espero que alguém olhe por ela e não deixe as coisas acabarem”, desabafou.

O manifesto já rendeu a pintura em pedras da praça. Mas o lixo entre o coreto ainda está à vista para a população que passa por lá.

A PRAÇA
Atualmente a Praça dos Carreiros esta abandonada e coloca em risco a segurança dos moradores, o que era um palco de eventos da cidade se tornou abrigo para moradores de rua e marginais em razão da falta de iluminação e segurança no local.

Leia também:  Alunos de escola pública visitam aldeia indígena como presente de Dia das Crianças

Na praça se encontra o carro-de-boi, parte histórica do município, que esta em processo de deterioração e degradação em razão da falta de cuidado com a obra.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.