O papa Francisco anunciou hoje (15) que em setembro visitará Buenos Aires, a capital da Argentina. Será a primeira vez que o papa, que é argentino, retornará a seu país desde que foi eleito em março. Francisco visitará o Santuário de Nossa Senhora de Bonaria. A viagem à Argentina ocorrerá depois da Jornada Mundial da Juventude, marcada para julho, no Rio de Janeiro.

Durante missa hoje na Praça São Pedro, no Vaticano, o papa disse que “antigos laços unem Buenos Aires à vocação mariana [devoto de Maria]”. Francisco lembrou que o nome da capital argentina é uma homenagem à Nossa Senhora de Bonaria de Cerdeña.

Contando a história da fundação de Buenos Aires, o papa disse que a cidade foi construída e virou uma homenagem à patrona dos navegantes daí o nome “bons ares”, que é a tradução do nome da capital em português. A expressão bonaria, segundo o papa, significa “bom ar”. Inicialmente, a cidade foi chamada de Porto de Nossa Senhora Santa Maria de Bons Ares.

Leia também:  Bar oferece cerveja gratuita para quem devolver pôster furtado de Trump

O santuário foi levantado no local em que a primeira igreja em homenagem à Nossa Senhora de Bonaria foi construída no século 14, na capital argentina. A igreja pertence à ordem religiosa das Mercedes.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.