O vereador Rodrigo da Zaeli (PSDB) receberá em sua propriedade rural, no município de Rondonópolis, um evento no próximo sábado (11) para reunir tucanos já conhecidos no estado de Mato Grosso e mais 50 novos integrantes, para o ato de filiação destes, além da principal cerimônia da noite que será a posse da nova executiva local do partido, da qual o parlamentar é presidente eleito.

A reunião marca uma nova trajetória na vida política tucana, sobretudo no sul mato-grossense, onde o partido se prepara para sair vitorioso de mais uma eleição em 2014, assim como foi em 2012, segundo Rodrigo.  Na avaliação do parlamentar, a vinda de importantes nomes do partido no estado para Rondonópolis, especialmente para o evento, demonstra o crescimento local e na região sul do PSDB.

“Vamos apresentar para a comunidade a nova executiva do PSDB. Teremos a participação do Nilson Leitão, que é nosso deputado federal, o Guilherme Maluf, que é o nosso deputado estadual, além de algumas lideranças regionais. Para Rondonópolis fica este marco, porque fazia tempo que não sediávamos um evento destes”, comemorou.

Leia também:  Projeto do novo IPTU é protocolado e prefeito pede apoio aos vereadores

Com a base da figura de Rogério Salles, atual vice-prefeito de Rondonópolis e homem bastante respeitado na política mato-grossense, sendo inclusive ex-governador do estado, Rodrigo argumenta que o PSDB está aberto a conversar e discutir política com a população.

“O Rogério é uma liderança e alguém que nos espelhamos muito, mas naturalmente que necessitamos de novas lideranças. Temos um espaço democrático e aberto, não queremos um partido fechado em um só coronel, até mesmo porque aqui o Rogério nunca teve este perfil e sim uma abertura de diálogo. Abrimos as portas para novas filiações”, ressalta.

Tendo muitos jovens dentre os 50 novos filiados, o vereador e presidente local se alegra e afirma que a juventude é uma etapa da vida onde se construam talvez os maiores feitos ativos dos cidadãos.”A pessoa com 20, 25 anos tem o sonho mais aflorado. Ela acredita mais no poder da mudança e o PSDB também acredita. Os jovens são responsáveis talvez pelas maiores ações políticas do nosso país, haja vista os ‘caras pintadas’ (movimento estudantil que contribuiu em 1992 para o impeachment do então presidente Collor) no passado. Acreditamos nisso”, assegurou.

Leia também:  Câmara garante destinação de materiais sem condições de uso

Aguardando a convenção nacional na próxima semana, Rodrigo vê um bom cenário para 2014 no estado e no Brasil para o partido.”Teremos dia 18 a convenção nacional. A chapa única é com o Aécio Neves na liderança e ele será o nosso candidato de oposição ao PT na presidência. No nosso estado temos o Nilson Leitão, extremamente ativo, e outros nomes como Wilson Santos, que deve ser candidato a deputado estadual ou federal. Ainda se ressalta a Thelma Oliveira e outras pessoas que não negam seus nomes, e é isso que precisamos: de candidatos. Um partido sem candidatos é o mesmo que um time sem torcida”, comparou.

Quanto ao planejamento local, Rodrigo enxerga a necessidade da união de forças regionais para que o candidato tucano à Assembleia Legislativa de Mato Grosso não só seja candidato, mas venha para ganhar a eleição.”Vemos na Câmara de Rondonópolis vários vereadores criticando o Governo do Estado, mas não temos este eco respaldado em nossos deputados estaduais. Eles votaram os cortes atuais da saúde no fim do ano passado. A nossa região tem de se unir em torno de nossos interesses. Estamos pagando as contas, vendo o ‘nortão’ crescer e por aqui obras paradas há anos. Estamos todos impotentes, sem ter um representante firme, que defenda as ideias do PSDB. Vamos nos unir sim em torno de um só candidato, até para termos mais chances de vitória nas urnas”, projetou.

Leia também:  Vereador Thiago Silva reivindica a expansão de cursos da Unemat em Rondonópolis
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.