A sobrancelha de Flávia Alessandra é levemente arqueada - Foto: Divulgação/Rede Globo
A sobrancelha de Flávia Alessandra é levemente arqueada – Foto: Divulgação/Rede Globo

 

A sobrancelha tem o poder de emoldurar os olhos, mudar a expressão da mulher e até rejuvenescer. Uma mudança brusca no formato pode deixá-la com o visual falso e fazer o efeito contrário ao invés de destacar a beleza. Nadia Tambasco, maquiadora do salão Marcos Proença, em São Paulo, ensina como deixás-la sempre bem arrumadas e afirma que o segredo para ter o formato perfeito é seguir as linhas naturais. “O desenho ideal é aquele que não foge muito ao natural. Claro que, se a pessoa tem uma sobrancelha com um desenho que desfavoreça o seu rosto, existe a possibilidade de deixá-la mais bonita e harmoniosa. Sempre tomando muito cuidado para não afina-las”, explica.

Leia também:  Conheça a tendência sereísmo 2017 | Moda e Beleza

A dica para manté-la sempre com um bom formato é não exagerar na hora de tirar. Fina demais pode ficar com falhas e muito grossa fica com aspecto desleixado. Se você errar na hora de tirar os pelos, Nadia explica: “Para consertar, somente deixando crescer mesmo; mas aqui vai uma dica: não tem necessidade de ficar meses sem fazer a sobrancelha para poder crescer o suficiente para arrumá-la. Ela pode ser feita à cada 21 dias e respeitar os pelinhos que estão nascendo E cultivá-los”, conta. Além disso, a sombra e lápis podem ajudar na hora de ajustar os detalhes e igualar o formato. “Prefira os lápis mais cinzas, pois os marrons tendem a puxar para o avermelhado, o que não fica natural”, conta. Outra boa opção para falhas e cicatrizes, por exemplo, é o uso da henna, que geralmente dura 20 dias.

Leia também:  Colete: Saiba como usar a peça queridinha do momento | Moda e Beleza

Na hora de arrumar os fios, apostem também em rímel incolor. “Para ter uma sobrancelha impecável, mantenha sempre limpa (a cada 21 dias. Tem pessoas que não conseguem ficar sem fazer e arrumam a cada 15 dias, o que também é legal) e sempre respeitar o desenho natural dela. Se possível, jamais afinar, pois uma vez afinada, corre o risco de ficar falhada para sempre”, finaliza Nadia.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.