Mesmo com o equipamento estragado, o televisor continua conectado na tomada com "stand by"   ligado
Mesmo com o equipamento estragado, o televisor continua conectado na tomada com “stand by” ligado

 

Número ‘um’, número ‘dois’, número ‘três’, essas palavras já viraram rotina para os funcionários do setor de Alvará da Prefeitura Municipal de Rondonópolis.

Pelo jeito as coisas não andam bem dentro do Paço Municipal, o equipamento de senha do setor de Alvará está estragado há algum tempo, com isso os funcionários tem que ficar ‘gritando’ para chamar os contribuintes.

De acordo com um funcionário do setor, falta boa vontade para alguém ir fazer o reparo já que o material de conserto foi comprado há dois meses.

O setor também sofre com demora no atendimento, onde uma espera de 40 minutos é pouca, além de que esse tipo de senha pode prevalecer algumas pessoas a passar na frente das outras.

Leia também:  Medeiros dá sinais de que irá trair Taques

Mesmo se tratando de um órgão público, o Conselho Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon), não pode agir contra a Prefeitura, pois não há nenhuma lei que regulamente a fiscalização. O contribuinte no máximo pode fazer uma reclamação há ouvidoria da Prefeitura.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.