A queda de produção do primeiro para o segundo tempo fez Neymar ouvir vaias ao ser substituído por Bernard na vitória da Seleção Brasileira por 3 a 0 contra a França, neste domingo, na Arena Grêmio. A atuação do atacante, no entanto, agradou ao técnico Luiz Felipe Scolari.

“Não concordo (que jogou mal). Ele tem que cumprido tudo que determino a ele, joga de forma que me deixa completamente satisfeito”, afirmou Felipão. Vale lembrar que Neymar ainda não marcou gols com o time principal do Brasil neste ano. Os três feitos ocorreram com a Seleção local diante de Chile e Bolívia.

No jogo deste domingo, Neymar começou a partida centralizado, mas logo passou a atuar aberto pela esquerda. Contra a Inglaterra o camisa 10 jogou mais perto de Fred pelo meio. Para Felipão, o posicionamento do atacante pode variar de partida para partida.

Leia também:  Mato-grossenses jogam pelo brasileiro neste final de semana

“Prefiro o Neymar jogando. craque tem que jogar, mas em determinado momento do primeiro tempo vimos a França com os dois centrais, três homens de meio, mais dois voltando por dentro e não tinha espaço. Pela qualidade dele, deixamos um jogador que marca mais e posiciona melhor que é o Oscar e passamos o Neymar para o lado”, afirmou.

Vendido para o Barcelona há duas semanas, Neymar tem tido um ano irregular tanto com a camisa brasileira como com a da Barcelona. Sua chance de redenção será na Copa das Confederações, que terá início para o Brasil no próximo sábado, contra o Japão.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.