Foto: Andreas Rentz/Getty Images for Paramount Pictures
Foto: Andreas Rentz/Getty Images for Paramount Pictures

O ator Brad Pitt escreveu um texto para a revista americana “Identity Magazine” em que conta que esteve a ponto de se separar de Angelina Jolie. Segundo o relato, a atriz perdeu muito peso, não conseguia dormir e estava constantemente nervosa quando ele decidiu ajudá-la porque “era o único que podia abraçar a mulher ideal para metade dos homens e mulheres do planeta”. No texto, intitulado “Um Segredo de Amor”, Brad diz que começou a mimar a mulher com flores, beijos e elogios e que ela começou a “renascer”. “Ela ganhou peso, parou de ficar nervosa e me ama ainda mais do que antes. Eu nem sabia que ela podia amar tão intensamente. E então eu percebi uma coisa: A mulher é o reflexo de seu homem”, conclui ele. Veja o texto na íntegra:

Leia também:  O Rico e Lázaro | Hurzabum questiona a acusação de Absalom contra Shag-Shag e apanha

“Um Segredo de Amor

Minha esposa ficou doente. Constantemente ela estava nervosa por causa de problemas no trabalho, na vida pessoal, seus erros e problemas com os filhos. Ela perdeu 13 quilos e pesava cerca de 40 quilos aos 35 anos. Ela ficou muito magra e estava constantemente chorando. Não era uma mulher feliz. Ela sofria de contínuas dores de cabeça, dor no coração e tensão muscular nas costas. Ela não dormia bem, conseguia pegar no sono apenas na parte da manhã e ficava cansada rapidamente durante o dia. Nosso relacionamento estava a ponto de acabar. A beleza dela estava deixando-a. Ela tinha bolsas sob os olhos, cabelos desgrenhados. Ela parou de cuidar de si mesma. Se recusou a fazer filmes e rejeitou cada papel. Perdi a esperança e pensei que iríamos nos divorciar em breve… 

Foi então que eu decidi agir. Afinal, eu tenho a mulher mais bonita do planeta. Ela é a mulher ideal para mais da metade dos homens e mulheres da Terra, e eu o único que tinha permissão para dormir ao seu lado e abraçá-la. Comecei a mimá-la com flores, beijos e muitos elogios. Surpreendia-a e tentava agradá-la em todos os momentos. Enchi-a de presentes e comecei a viver apenas para ela. Só falava em público a seu respeito e relacionava todos os assuntos a ela, de alguma forma. Elogiei-a a sós e em frente a todos os nossos amigos.

Vocês podem não acreditar, mas ela começou a renascer, a florescer… Tornou-se ainda melhor do que era antes. Ganhou peso, parou de ficar nervosa e me ama ainda mais do que antes. Eu nem sabia que ela podia amar tão intensamente.

E então eu percebi uma coisa: ‘A mulher é o reflexo de seu homem’

Brad Pitt”.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.