O manifesto começou pontualmente as 17h, em Rondonópolis. Milhares de pessoas  se concentraram na Praça Brasil para o movimento popular “Vem para Rua Rondonópolis”, os manifestantes percorrerão a região central da cidade com destino a Prefeitura Municipal.

Minutos antes alguns comerciantes fecharam os estabelecimentos para que empresários e funcionários pudessem participar da manifestação e somar força com a população.

Os manifestantes estão carregando placas e faixa cobrando melhorias na saúde, segurança pública, educação e habitação.

ATUALIZAÇÃO

Às 17h30 – Entre as frases ditas pelos manifestantes durante o trajeto é o de convocação da população usando o “Vem pra Rua” e “Educação é preciso, Copa é passageiro”.

A Polícia Militar está acompanhando o manifesto que segue, por enquanto, pacificamente. Várias pessoas já se concentram na prefeitura, onde será o ponto final da caminhada. Mais de 10 mil pessoas participam do manifesto.

Leia também:  Gerente de Relações do Governo do BNDES estará na CDL

Às 17h40 – Um motorista quase atropelou alguns manifestantes durante o percurso. (LEIA AQUI)

Às 18h20 – Mais de 10 mil manifestantes, de todas as idades, se reuniram de frente a Prefeitura Municipal e cantaram o Hino Nacional Brasileiro balançando placas e faixas de com cobrança ao Poder Executivo.

Apesar do estouro de algumas bombas no saguão do Paço Municipal, utilizada em festas juninas, o comandante da Policia Militar, major Sandro Barbosa, afirma que o manifesto esta tranquilo.

Para Michel Alves, 22 anos, o manifesto é válido e importante a participação da população que cobra melhorias e o fim da corrupção.

Às 18h30 – Neste momento os manifestantes se concentram na Avenida Marechal Rondon de frente a Praça dos Carreiros.

Leia também:  Força Tática, CAR e viaturas da PM realizam operações em Rondonópolis

Na avaliação da aposentada Terezinha dos Santos, 62 anos, que acompanhou o manifesto demorou mas aconteceu. “É preciso a gente lutar pelo o que é nosso, muita gente morrendo nos hospitais, precisamos de mais gente competente no Governo”, ressaltou a aposentada.

 

Às 18h40 – Manifestantes retornaram a Praça Brasil. Houve um principio de confusão entre manifestantes em frente a uma loja, porém o manifesto seguiu pacífico. Um ônibus da Cidade de Pedra teve um vidro quebrado por três manifestantes.

Às 19h00 – O comandante do 5º Batalhão de Polícia Militar, Major Sandro parabenizou os manifestante por realizarem os protestos sem nenhum incidente grave. “No total, 20 policiais acompanharam o movimento, alguns fardados e outros a paisana, estávamos apenas a caráter de proteção para os manifestantes”, contou.

Leia também:  Empresas de Rondonópolis são obrigadas a adotarem medidas de proteção contra incêndios

Às 19h10 – Os protestantes já começaram se dispersarem.

Às 19h40 – O cruzamento da avenida Cuiabá com a rua Fernando Corrêa da Costa está bloqueada por cerca de 150 manifestantes.

Às 20h00 – Alguns manifestantes foram até a abertura dos Jogos Escolares Mato-grossenses realizado no ginásio Marechal Rondon. O preifeito Percival Muniz (sem partido) que iria participar da abertura, não apareceu.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=Q3ZOGpNKLyc[/youtube]

 

– Duas equipes de reportagem estão acompanhando a manifestação para trazer todas as informações. Acompanhe, em instantes mais detalhes.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.