O ministro da Secretaria de Aviação Civil, Moreira Franco se comprometeu nesta terça-feira (19) em reunião com o deputado federal Wellington Fagundes (PR/MT), em Brasília, que a pasta vai analisar com atenção as solicitações de 14 municípios de Mato Grosso que querem integrar o Programa de Investimento em Logística: Aeroportos, do governo federal.

Lançado no fim do ano passado, o programa que tem como meta melhorar a infraestrutura e a qualidade dos serviços aeroportuários no Brasil já engloba 13 cidades matogrossenses.

Para o ministro é possível que mais cidades do Estado sejam contempladas, contanto, que atendam as determinações da Secretaria, como por exemplo, distancia mínima entre os aeroportos. “Ainda não temos um mercado de aviação regional que justifique aeroportos a menos de 100 quilômetros um do outro”, justificou.

Leia também:  CONPeduc 2017 discute educação e política

Além da autorização para início dos estudos em cada município, segundo o deputado federal Wellington Fagundes, a Secretaria também pretende organizar estrutura para prestar suporte operacional. “O município sozinho não tem capacidade para operar um aeroporto, tudo isso está sendo discutido para que a gente possa fazer a verdadeira integração regional em Mato Grosso com o restante do país”, explicou.

AEROPORTOS REGIONAIS

Se atendida todas as solicitações de Fagundes os municípios de: Alto Araguaia, Colniza, Confresa, Jaciara, Mirassol do Oeste, Nova Mutum, Querência, Santa Terezinha, São Jose do Xingu, Sorriso, Campo novo dos Parecis, Diamantino, Água Boa e Primavera do Leste, deverão contar com novos aeroportos.

Leia também:  Jucemat faz recesso de final de ano
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.