Antônio Rodrigo Nogueira, o Minotauro
Antônio Rodrigo Nogueira, o Minotauro

Depois de sofrer o rompimento total do ligamento do cotovelo do braço esquerdo por conta de uma finalização de Fabrício Werdum, Rodrigo Minotauro passou na manhã desta sexta-feira por uma cirurgia para reconstituição do local lesionado e o processo foi bem-sucedido.

O veterano foi operado em São Paulo, no hospital Albert Einstein, pelo médico Benno Ejnisman, especialista em lesões no esporte. Além da “reinserção ligamentar e tendinosa” de cotovelo, também foram retirados fragmentos de ossos, uma remoção dos corpos livres.

De acordo com as primeiras informações médicas, Minotauro terá de usar uma tipoia por alguns dias e começará imediatamente o trabalho de fisioterapia com Ângela Cortes, que já faz parte de sua equipe há muitos anos. Inicialmente havia sido falado em oito semanas para o retorno aos trabalhos físicos.

Leia também:  Flamengo vence Junior Barranquilla e garante a classificação para a final da Sul-Americana

DE ONTEM: Assim que a acabou a luta no último sábado, Minotauro passou por um raio-x ainda na capital cearense, exame que descartou uma fratura no local. No entanto, na última terça-feira, o lutador passou por uma ressonância magnética no Rio de Janeiro, quando foi detectado o rompimento do ligamento do cotovelo esquerdo.

Essa é a segunda grave lesão que Antonio Rodrigo Nogueira em menos de um e meio. No final de 2011, ele teve uma impressionante fratura no braço direito ao ser finalizado por Frank Mir com uma kimura. Antes disso, ele já tinha sofrido uma longa infecção durante o ano de 2009, que o deixou muito debilitado.

Leia também:  Rondonópolis é campeão do 'Campeonato Brasileiro de Futebol de Surdos'
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.