. Os índices de inclusão apresentaram queda de 35% em maio, na comparação com o mesmo mês do ano passado-Foto: Arquivo
. Os índices de inclusão apresentaram queda de 35% em maio, na comparação com o mesmo mês do ano passado-Foto: Arquivo

O bimestre composto dos meses de maio e abril registrou equiparação com o mesmo período do ano passado no número de consultas da Serasa e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) da Câmara de Dirigentes Lojistas de Rondonópolis, sendo que maio se destacou com 12,10% de aumento em relação a abril.

Os índices apontam a recuperação nas vendas e indicam que as pessoas estão voltando aos poucos a consumirem de uma forma mais consciente. Os índices de inclusão apresentaram queda de 35% em maio, na comparação com o mesmo mês do ano passado, apontando a queda na inadimplência e um consumo moderado.

A recuperação de crédito, que é o pagamento da dívida com a retirada do nome da pessoa dos cadastros se manteve estável, na casa dos 1,5 mil ao mês, o que pode apontar a dificuldade de algumas pessoas em conseguirem se organizar para saldar dívidas.

Leia também:  1ª Trans tem seu nome social incluído ao CPF em Rondonópolis

Para o diretor de Serviços e Produtos da CDL, Maurício Pugas, o mercado começa a dar indicativos de recuperação, com um consumidor comedido e mais consciente. “Em maio tivemos uma data importante para o comércio que é o Dia das Mães, onde as pessoas realmente compram mais presentes, para se confirmar a tendência de retomada do consumo teremos que esperar os próximos dois meses”.

Junho é marcado com o Dia dos Namorados, outra data comemorativa embora historicamente com reflexo mais tímido que o Dia das Mães, mas também é o início do frio, onde as pessoas compram roupas de inverno, casacos e cobertores.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.