Foto: ilustrativa/reprodução
Foto: ilustrativa/reprodução

A lua cheia do próximo domingo (23) ocorrerá mais próxima à Terra e será a maior e mais brilhante de 2013. A próxima “Super Lua” acontecerá depois somente em 10 de agosto de 2014. A última ocorreu em 5 de maio de 2012.

O efeito ocorrerá às 8h32 (horário de Brasília) para todos os locais do Brasil que seguem essa faixa horária, incluindo Barra do Garças, em Mato Grosso, e outras cidades como Salvador, São Paulo e Rio de Janeiro.

Em Cuiabá, e na maioria do Estado de Mato Grosso, o perigeu ocorrerá às 7h32. Os horários têm uma faixa de erro de um minuto.

A órbita da Lua em torno da Terra é uma elipse com a Terra localizada em um dos seus focos. Como a órbita não é circular, a distância da Lua à Terra varia do perigeu – distância mais próxima- ao apogeu- ponto da órbita em que a Lua encontra-se mais distante da Terra.

Nesse dia, a lua entrará na fase cheia 22 minutos após ter alcançado o perigeu, quando estará a 356.991 km de distância da Terra.

Leia também:  Município de MT registra tremor de terra e deixa moradores preocupados

O efeito da Super Lua sobre a terra fará com que as marés aumentem em alguns centímetros, mas astrônomos negam que hajam motivos para preocupação.

DICA AO AMADORES

O melhor horário para uma observação amadora da Lua é quando ela está próxima ao horizonte, quando a lua parece – mas não é – maior do que quando ela está mais alta no céu.

Alguns denominam isso de “ilusão da lua”. Acredita-se que isso ocorra porque próxima ao horizonte podemos compará-la com objetos no solo tais como árvores, casas, e outros objetos.

Dessa maneira, o melhor horário para observar a “Super Lua” no Brasil será na madrugada de 23 de junho. Em Mato Grosso, o efeito deverá ocorrer às 5h02 horas do dia 23, entre o sudoeste e o oeste.

Em localidades que seguem o horário de Brasília, o ocaso ocorrerá às 6h02 horas. Para o Acre e a região oeste do Amazonas, às 4h02 horas; nessa região o perigeu da Lua ocorrerá às 6:32 horas. A margem de erro dos horários citados é de um minuto.

Leia também:  Veículos com mais de 18 anos serão isentos de IPVA a partir de 2018

Quem não quiser acordar de madrugada pode observar a lua no começo da noite do dia 23 de junho. Ela deverá nascer às 17h51 horas no horário de Cuiabá. Em Brasília, a lua começará a surgir no horizonte às 18h51 horas, e às 16h51 horas no horário de Rio Branco e cidades que seguem o seu fuso horário.

Nesse horário ela deverá começar a aparecer no horizonte entre o lado leste e o sudeste. É preciso aguardar alguns minutos até que ela esteja um pouco mais alta no céu para que possa ser observada. A quem pretende tirar fotos a recomendação é utilizar lugares altos e que tenham uma boa visualização do lado leste , ou, do oeste, dependendo do horário de observação

A SUPER LUA

Para os astrônomos, a “Super Lua” trata-se apenas de uma sizígia no perigeu, que pode ocorrer quando a Lua, ou na fase cheia ou na fase nova, encontra-se no perigeu.

Leia também:  Saúde foca em realização de novo concurso

O termo “Super Lua” – usado quando a lua na fase cheia ou na nova ocorre a uma distancia de 90% a 100% do perigeu – foi introduzido pelo astrólogo Richard Nolle em 1979, e tornou-se amplamente conhecido pela comunidade nesta década. De acordo com a definição de Nolle, existem de 4 a 6 Super Luas, em média, num ano.

Mas uma lua cheia no perigeu – ou muito próxima a este – ocorre apenas num intervalo de um ano, um mês e dezoito dias, ou 413 dias.

Uma lua cheia maior costuma proporcionar um belo espetáculo no céu e fazer a festa dos astrônomos amadores, dos profissionais da mídia e do público em geral. Diversas páginas na Internet, tanto nacionais quanto internacionais – incluindo a NASA – costumam publicar fotos de eventos astronômicos. Não é exigida qualificação alguma de quem envia as envia. Basta apenas se cadastrar no site.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.