A Assembleia Legislativa de Mato Grosso recebe, pela primeira vez, nesta quinta-feira (25), às 9h, os novos 24 deputados que farão parte da 5ª Legislatura do Parlamento Mirim de 2013, na sala um, da Escola do Legislativo, no prédio da AL, onde terão acesso ao código de ética e o regulamento do Parlamentar Mirim.

A responsável pelo projeto Parlamento Mirim na AL-MT, Herderglay Souza Bastos, explica que os novos parlamentares, 15 meninas e nove meninos, têm idades entre 10 e 14 anos e são de escolas públicas e particulares de Cuiabá, Várzea Grande, Chapada dos Guimarães, Santo Antônio de Leverger, Acorizal e Dom Aquino.

Após a seleção dos projetos, diversos municípios demonstraram interesse em participar no ano que vem. A deputada mirim e presidente da 4ª Legislatura, Camila Cristina Alves Aguilar, 13, já está triste que vai deixar o cargo, porém muito feliz com o que aprendeu nesse período. “Passei a enxergar política com outros olhos.

Leia também:  Sérgio Moro condena o ex- gerente da Petrobrás a 15 anos e 2 meses de prisão

A ser mais participativa, a defender os direitos dos cidadãos através dos projetos. Tive a oportunidade de conhecer a Câmara dos Deputados e o Senado, em Brasília e ter uma maior proximidade com os deputados de Mato Grosso. Uma experiência única que vai deixar saudades”, destacou.

A mãe da parlamentar mirim, Helena Aguilar, disse que a filha teve um desempenho acima do esperado. “Ela discursou em público com muita segurança, correu atrás de projetos, mostrou liderança e responsabilidade que passei a admirar ainda mais minha filha. A gente sente tanto orgulho quando vê que nossos filhos cresceram e estão no caminho certo, com essa sede de mudança, de acreditar e contribuir para um mundo melhor”, falou otimista.

Leia também:  “Estão brincando com a cara do cidadão de Rondonópolis” diz Thiago Muniz sobre paralisação dos serviços da Santa Casa

PARLAMENTO MIRIM

Os deputados mirins eleitos têm o mandato de um ano e, durante esse período, desenvolvem atividades parlamentares e tem a oportunidade de conhecer a Câmara dos deputados e o Senado em Brasília.

Durante o processo, que leva os eleitos a vivenciarem um pouco da atuação parlamentar, os jovens participam de uma jornada parlamentar, com uma agenda montada especialmente para que conheçam o máximo sobre o trabalho de um deputado no Legislativo Estadual.

A posse dos novos parlamentares está marcada para 21 de agosto, na sede do Poder Legislativo, na Capital. Histórico – Os 24 novos deputados foram selecionados entre as 92 propostas de projetos de lei apresentadas para a seleção, sendo que 42 foram da rede estadual de ensino, 22 da municipal e 28 de escolas particulares.

Leia também:  Pesquisa aponta Governo Abdo com mais de 80% de aprovação

Entre os temas abordados a educação figurou em primeiro lugar, com 25 projetos. Em seguida, foi direitos humanos, com 16; meio ambiente, com 15; saúde, com 14; segurança pública, com oito; cultura e esportes, com quatro de cada um desses temas; transporte, com três; habitação, com dois, e agropecuária, com um projeto.

O Parlamento Mirim mato-grossense foi criado pela Assembleia Legislativa com o objetivo principal de possibilitar aos alunos do 5º ao 9º ano do ensino fundamental, das escolas públicas e privadas, vivenciar e conhecer um pouco da atividade parlamentar. A ideia é posta em prática ao levar os alunos a experimentarem algumas das atividades essenciais à atuação parlamentar.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.