bailarina
Foto: reprodução

Começa neste fim de semana em Indaiatuba, interior de São Paulo o 21º Passo de Arte. Até o dia 15 de julho, bailarinos de todo o país, e do Paraguai e Argentina estarão se apresentando no evento que já virou referência nacional. É um ponto de encontro para estudantes e professores, onde todos possam trocar idéias, compartilhar dúvidas, experiências e receber as mais atualizadas informações sobre a dança. Os critérios são rigorosos tanto para a premiação como para a seleção de dançarinos numa competição internacional. Este ano o Passo de Arte selecionou através de DVDs três bailarinas para o solo clássico avançado das cidades de Goiânia, Caxias do Sul e da Philadélfia, nos Estados Unidos. Já na variação feminina avançada doze bailarinas foram selecionadas de Goiânia, Rio de Janeiro, e também da Philadélfia.

Leia também:  Equipe medalhista de atletismo embarca para mais uma competição com apoio do Município

A rondonopolitana Arie Ereio Venâncio está entre as selecionadas e vai representar o Stúdio Dançarte de Goiânia com a coreografia Princesa Hindu (Solo Clássico Avançado) de Gisela Vaz e Variação Feminina Avançado (O Corsário). Para Ariel, “a participação no Passo de Arte representa uma celebração, uma experiência de vida, uma chance de ver e ser visto”. A mãe de Ariel, a coreógrafa Sarah Jane Venâncio também estará presente no evento. “Isto não só faz professores e bailarinos mais fortes e mais preparados, como acrescenta autodisciplina e instala um senso de propósito, uma visão de que é possível um futuro na dança, afirma Sarah”. Ariel estará presente também no Festival de Dança de Joinville, um evento consolidado pela tradição, pelo profissionalismo e pela pluralidade dos participantes, que começa no dia 17 de julho na cidade catarinense. Em 2012, o festival completou 30 anos e recebeucerca de seis mil bailarinos e amantes da dança do país e do exterior.

Leia também:  ACIR promove palestra para garantir negócios mais seguros

O Festival é mantido com o apoio de patrocinadores e promovido pelo Instituto Festival de Dança de Joinville, e fica de portas abertas a aproximadamente duzentas milpessoas, com a média de 170 horas de espetáculos. Neste, a bailarina Ariel Ereio Venâncio foi selecionada para participar da Mostra competitiva. Dentre as 50 inscrições no gênero clássico livre, solo sênior somente 22 bailarinas foram aprovadas. Ariel dançará a coreografia Princesa Hindu, de Gisela Vaz representando o Stúdio Dançarte de Goiânia (GO). Além de participar da competição a bailarina estará fazendo aulas de Ballet Clássico com o Pedro Carneiro, que desde 1996 é professor de dança clássica em Portugal e atua como jurado em festivais importantes do mundo, como Beijing Invitational for Dance Schools e oTanzolymp Berlim.

Leia também:  Grupo define primeiras ações para retomada dos hospitais regionais
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.