Miguel WeberEm decorrência das negociações iniciadas pelo Presidente do Sindicato Rural de Rondonópolis, Miguel Weber, com a diretoria da Abimaq, referente ao retorno da feira de negócios Agrishow para Mato Grosso, foi definida a data de 16 de agosto, durante a realização da Exposul para uma reunião de trabalho que definirá a data de realização da feira, já no início de 2014.

De acordo com Weber, em 2010 aconteceu a primeira reunião do Sindicato com a Abimaq e, no início deste ano uma comitiva do Sindicato Rural e autoridades municipais estiveram reunidos com a Abimaq, durante a realização do Agrishow, em Ribeirão Preto SP. Em junho o dirigente do Sindicato Rural reuniu-se, em São Paulo SP, com a diretoria da Associação, ocasião em que ficou acertado a reunião, oficializada nesta semana, para definir o retorno do Agrishow para Rondonópolis e a data em que será realizada.

Leia também:  1ª paraolimpíada 2017 acontece neste sábado

O Agrishow, que já foi realizado no Parque de Exposições em dois anos consecutivos, é a maior feira de negócios da América Latina e, na edição 2013, recém-realizada no Parque de Ribeirão Preto SP, reuniu 800 empresas nacionais e internacionais, que disponibilizaram máquinas e equipamentos agrícolas, aviões, equipamentos náuticos, além de novas tecnologias de produção e lançamentos de novos produtos, comercializando mais de 2.5 bilhões de reais. Todo este aparato deverá desembarcar no Parque de Exposições de Rondonópolis, entre março e abril do ano que vem.

A diretoria da Abimaq estará representada na reunião da Exposul pelo executivo chefe Carlos Pastoriza; o presidente da Câmara Setorial de Máquinas e Implementos Agrícolas da Abimaq, Gilberto Zancopé; o presidente do Agrishow, Maurilio Biaggi Filho e; o assessor especial da presidência, Vinícius Camargo, além de executivos da Embrapa – Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, parceira técnica provável do Agrishow de Rondonópolis. Pelo Sindicato Rural participarão o presidente Miguel Weber e sua diretoria. Também estarão presentes os presidentes da Famato, Aprosoja, Ampa e Aprosmat e autoridades convidadas.

Leia também:  Secretaria de Saúde aumenta equipe de atendimento para Caravana em Rondonópolis

De acordo com Miguel Weber, a realização do Agrishow em Rondonópolis será um extraordinário momento para o agronegócio mato-grossense, na medida em que deverá centralizar e refletir todo o potencial econômico e produtivo da região sul de Mato Grosso, responsável por mais de 40% do PIB estadual. “Mato Grosso é o líder nacional na produção de grãos, um dos maiores produtores de algodão e sedia um rebanho bovino superior a 20 milhões de cabeças. O estado representa mais de 20% da balança de exportações brasileira. O Agrishow, enquanto maior feira de negócios latino-americana, chega para expressar este potencial em tecnologia, mecanização e novos conceitos gerenciais e de produção. Importante destacar, no entanto, que o Agrishow não deverá interferir na realização e no formato da Exposul, que permanecerá com a grande exposição agropecuária de Mato Grosso. São dois eventos distintos e, ambos importantes para Rondonópolis”, afirmou Weber.

Leia também:  Município e Justiça fazem mutirão de negociação fiscal
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.