Foto: assessoria
Foto: assessoria

O governador Silval Barbosa e o secretário de Estado de Desenvolvimento do Turismo, Jairo Pradela, lançam nesta quarta-feira (26.06) às 19 horas, no Centro de Eventos do Pantanal, a 3ª Expedição Interoceânica. A solenidade marca a saída oficial da expedição que visa promover a integração política, cultural, econômica e turística entre os estados brasileiros e países da América do Sul.

Além do Brasil, o percurso vai passar por mais quatro países: Peru, Equador, Colômbia e Venezuela. Serão percorridos 13 mil quilômetros que  margeia o oceano Pacífico. A chegada oficial está prevista para o dia 25 de julho em Rio Branco no Acre.

Para o secretário de Turismo, Jairo Pradela, a expedição oportuniza a divulgação turística de Mato Grosso e a integração latino-americana. “A rota internacional – Pantanal, Amazônia, Andes e Pacífico – promove o desenvolvimento do turismo na região amazônica brasileira e articula ações de mercado de promoção do Brasil e de Mato Grosso nos países vizinhos. Já percebemos que a expedição, que está no seu terceiro ano, contribui efetivamente para atrair turísticas dos países da América do Sul para Mato Grosso”, disse o secretário. Ele acrescentou ainda, que a rota é resultado de dois anos de trabalho feito em conjunto com os estados do Acre e Rondônia com apoio do Ministério do Turismo e da Embratur.

Leia também:  STF decide enviar denúncia sobre Temer à Câmara

A 3ª Expedição Interocêanica vai percorrer em quase 30 dias as BRs 364 e 317 no Brasil, ingressando no Peru via Acre. A expedição vai cruzar o Equador, com visita à Guayaquil e Quito, e Colômbia, passa por Cali e Bogotá. Depois segue pela Venezuela e sua capital Caracas, passando por Ciudad Guayana e Santa Helena de Uairén. Regressando ao Brasil, pelo extremo norte, em Roraima, pernoitando em Boa Vista/RR, e seguindo via BR 174 pelo Amazonas até Manaus.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.