Celso Ferreira Antero, morto na Avenida Lions Internacional - Varlei Cordova/AGORA MT
Celso Ferreira Antero, morto na Avenida Lions Internacional – Varlei Cordova/AGORA MT

O mês de Junho deste ano fechou com 18 assassinatos em Rondonópolis. A média é que 1,2 pessoas são mortas a cada dois dias na cidade. Em 2012 nos primeiros seis meses do ano 25 pessoas foram mortas, meta que quase foi alcançada somente em Junho.

De acordo com o comandante do 5º Batalhão de Polícia Militar, Major Sandro Barbosa, em todos os casos há um envolvimento com drogas. “Quando não é a vítima que está envolvida, o suspeito é quem está”, afirmou ele.

Como aconteceu no caso em que a aposentada foi assassinada em casa. O suspeito confessou que roubou o dinheiro para consumir drogas e que no momento do crime ainda estava sob o efeito da droga que tinha usado anteriormente. Ele foi preso um dia após o crime.

Leia também:  Homem se apresenta em delegacia de Rondonópolis e diz que matou esposa com machado

O último homicídio do mês aconteceu na noite de ontem (30) na Avenida Lions Internacional onde o jovem Celso Ferreira foi morto com pelo menos três tiros.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.