Após três anos, um título do Circuito Mundial, um Mundial e a prata olímpica de Londres 2012, a parceria entre Emanuel e Alison já tem data para acabar. Por uma decisão do corpo técnico da seleção brasileira de vôlei de praia, os dois atletas só jogam juntos até a etapa de Berlim do Circuito Mundial, daqui a duas semanas. No fim de agosto, em Moscou, eles já estreiam suas novas parcerias: Emanuel jogará ao lado de Evandro, enquanto Alison será o parceiro de Vitor Felipe.

Nesta semana, Alison e Emanuel estão jogando a etapa de Long Beach, nos Estados Unidos. De lá, o superintendente de vôlei de praia da Confederação Brasileira (CBV), Tadeu Saad, confirmou as mudanças e disse ao GLOBOESPORTE.COM que a notícia foi bem aceita pelos jogadores.
– Eles já estão sabendo e a notícia foi muito bem recebida. Estão jogando aqui em Long Beach pelo Circuito Mundial e ganharam hoje (nesta quinta). O clima é bom. Na verdade, não estão mais disputando o Circuito Mundial. Estão fazendo pontos, jogando, mas o campeonato está mais para Pedro e Bruno e Ricardo e Álvaro. A Letícia (treinadora da seleção) vai fazer este teste. É uma decisão dela – disse o Superintendente de vôlei de praia da CBV, Tadeu Saad.

Leia também:  Brasil dá show em Cuiabá e avança no Grand Prix

Aos 40 anos, Emanuel é um dos maiores nomes do vôlei de praia brasileiro. Jogou ao lado de Alison, de 27 anos, pela primeira vez em 2008, em um Grand Slam em Gstaad, na Suíça, quando conquistaram um terceiro lugar. Na ocasião, o jovem jogador substituía Ricardo. Em 2010, estrearam a parceria fixa em Brasília, com um segundo lugar em um Open. Atualmente, estão em 15º no ranking mundial, com 2,540 pontos. A liderança é brasileira com Pedro e Bruno, com 4,340.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.