Foto:Ilustrativa
Foto:Ilustrativa

Investigadores da Divisão de Homicídios da Polícia Judiciária Civil de Rondonópolis (212 km ao Sul) prenderam na tarde desta quinta-feira (04), Wesley Gonçalves dos Santos, 25 anos, acusado de assassinar a facadas o primo Enildo Gonçalves, em 8 de fevereiro deste ano, no bairro Pedra 90, naquela cidade.

De acordo com o delegado Vinicius Prezotto, o crime foi motivado pelo furto de um aparelho de rádio, que gerou uma discussão entre os primos. A vítima havia dado prazo de 72 horas para o acusado devolver o rádio. Mas como já havia vendido o aparelho para comprar drogas, esperou o primo dormir para ir até seu quarto e matá-lo.

O preso disse que tinha feito uso de entorpecentes no dia do crime. O delegado informou que o acusado chegou a se apresentar durante as investigações, mas depois desapareceu da cidade, retornando recentemente.

Leia também:  Após roubar pizzaria, ladrões se envolvem em acidente e fogem a pé

O preso está indiciado por homicídio qualificado. Ele foi preso em cumprimento de mandado de prisão preventiva efetuado pelos investigadores Manuel e Adeildo.

A ordem de prisão foi expedida em maio pela Vara Criminal da comarca e Rondonópolis, mas encaminhada à Polícia Civil nesta semana.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.