Foto: Arquivo/ Agora MT
Foto: Arquivo/ Agora MT

Quase metade das pessoas em situação de inadimplência no comércio brasileiro deve valores acima de R$ 500. De acordo com o indicador de junho do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), divulgado ontem sexta-feira (19), 49,54% dos inadimplentes devem valores acima de R$ 500.

A pesquisa também aponta que a maior parte dos cadastros negativos concentra-se em CPFs de consumidores com mais de 65 anos de idade – o equivalente a 24,22% do total. Os consumidores com idade entre 30 e 39 anos aparecem logo na sequência (22,7%).

Quanto ao gênero dos consumidores com dívidas em atraso, as mulheres aparecem ligeiramente à frente dos homens. O indicador do SPC Brasil mostra que 53,7% dos cadastros inadimplentes pertenciam a mulheres, enquanto 46,23% pertenciam a homens.

Leia também:  Arrecadação de royalties do petróleo sobe 51,5% em 2017

Mas as mulheres também aparecem na liderança entre os consumidores que mais sanaram seus compromissos no mês de junho. De acordo com os números do SPC, as mulheres lideram a recuperação de crédito com 55,12% ao passo que homens representam 44,88% dos CPFs removidos da base de inadimplentes do SPC.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.