O vereador Thiago Silva (PMDB) se reuniu ontem (9) com o secretário de Infraestrutura (SINFRA), Fábio Cardozo para debater a retomada de obras e cadastramento de emenda do deputado Carlos Bezerra (PMDB), para construção da Feira do Conjunto São José e reforma do Salão Comunitário.

As obras foram viabilizadas através de uma emenda federal, agora a SINFRA irá cadastrar o projeto na SUDECO para liberação do recurso. Durante a reunião o vereador também cobrou um posicionamento da conclusão da pavimentação asfáltica do Jardim Serra Dourada, Carlos Bezerra 1 e 2, Jardim Itapoã, Morumbi e Maracanã.

O convênio, que foi celebrado em 2009, tem um valor total de R$ 4 milhões, destes R$ 1 milhão foi pago e as demais três parcelas de R$ 1 milhão cada estão bloqueados. De acordo com o secretário a Prefeitura está trabalhando para reaver o convênio sem que seja necessário realizar uma nova licitação.

Leia também:  Deputado Rezende busca informações sobre anel viário para Rondonópolis

Segundo o secretário, se uma nova licitação for feita não será possível atender a mesma extensão prevista anteriormente com o mesmo valor. “Acontece que de 2009 para cá os custos para a pavimentação aumentaram, com uma nova licitação teríamos uma defasagem de 30 a 40% do valor inicial, assim teríamos que reduzir a área que inicialmente receberia a pavimentação”, explicou Cardozo.

O secretário informou ao vereador que a tentativa do Município é buscar um entendimento junto ao Ministério de Integração Nacional para que o convênio seja retomado sem que seja necessário realizar uma nova licitação. “A SINFRA já encaminhou a justificativa para retomada dos recursos, agora estamos aguardando um parecer final da SUDECO”, diz o secretário.

Leia também:  Comando local do Solidariedade pode ter disputa

O vereador contou ainda que irá conversar com o deputado federal Carlos Bezerra (PMDB) para que possa intervir junto ao Ministério da Integração Nacional e SUDECO para agilizar a liberação das parcelas finais e, assim, a prefeitura daria a ordem de serviço para a construtora prosseguir com a conclusão da obra nos próximos meses.

 PONTE AVENIDA GOIÂNIA

Atendendo uma indicação dos vereadores Thiago Silva e Mauro Campos, o secretário confirmou a reconstrução da ponte no final da avenida Goiânia que há mais de um ano quebrou, por não suportar o peso de uma carreta.

A ausência de uma ponte sobre o córrego Queixada causa um grande transtorno aos moradores da região, pois a via faz a ligação da cidade ao Anel Viário e a região rural, além de ajudar na acessibilidade a avenida Goiânia também facilita o transporte de mercadorias de pequenos produtores da região do Campo Limpo.

Leia também:  Getúlio deixa cargo e Bortolin assume prefeitura

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.