Ainda que tenha realizado uma bela performance ao largar em nono e chegar em segundo, no GP da Bélgica, neste domingo, Fernando Alonso terminou a prova com cara de poucos amigos. Mesmo que não estivesse com o melhor dos semblantes, o piloto da Ferrari crê que a evolução do time de Maranello, desde a etapa da Hungria, é uma prova de que as energias foram renovadas e que ele ainda tem condições de brigar pelo título.

– Não podemos esquecer que das primeiras cinco corridas, nós vencemos duas. Além disso, estávamos sempre brigando por pódios. Andamos para trás no desenvolvimento do carro e perdemos um pouco o foco, mas agora parece que tudo voltou a se encaixar. Isso nos dá possibilidade de seguir adiante. Ainda precisamos melhorar e conseguir fazer poles. O campeonato é muito longo, mas se você tem um carro competitivo que te ajude a ganhar seis provas seguidas, é possível dar a volta por cima. Precisamos descobrir se temos a capacidade de fazer isso.

Leia também:  Atleta da Seleção brasileira de Hóquei é assassinado com tiro na nuca em SP

Questionado sobre o que achava da prova, Fernando se mostrou satisfeito com o resultado.

– Estou feliz com o que conseguimos realizar neste fim de semana. Em um fim de semana como esse, é preciso extrair o máximo possível do carro, e foi isso que fizemos. Ontem fomos azarados durante o Q3, mas hoje tínhamos um plano perfeito para a prova. O ritmo e a estratégia eram bons e conseguimos recuperar algumas posições durante a prova, além do otimismo para lutar pelo título – afirma Alonso.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.