As três temporadas em que Michael Schumacher esteve na Mercedes não foram nada fáceis, nem para a escuderia alemã e nem para o próprio heptacampeão mundial. Nesse período, o time só conquistou uma vitória, com Nico Rosberg, no GP da China de 2012, e viveu vários períodos de baixa, especialmente no final do ano passado.

Alguns meses depois da aposentadoria do maior vencedor da história da F1, as “flechas de prata” voltaram a lutar pelas posições de frente com mais frequência, alcançando sete poles e vencendo três provas em 2013, duas com Nico Rosberg e a última com a nova estrela da casa, Lewis Hamilton.

Indagado sobre o assunto em entrevista ao site “Eurosport”, Schumacher se disse “feliz e surpreso” com a guinada da marca da estrela de três pontas, e afirmou que não tinha como prever tamanho progresso quando ainda estava envolvido com a equipe, até o final da última temporada.

Leia também:  Projeto Mais Esporte, Mais Cidadania é lançado oficialmente em Rondonópolis

“Dada a forma como terminamos o ano passado, é uma surpresa onde eles estão agora. Estou feliz por eles, mas não poderia prever isso acontecendo”, disse o ex-piloto, que negou ter qualquer arrependimento por deixar o projeto logo antes de ele ter entrado em sua melhor fase.

“Não podemos esquecer que este esporte não é formado só por 20 corridas. Nesses três anos, tanta energia foi consumida, que eu não conseguiria me manter no nível em que eu gostaria de me medir. Vencer algumas corridas não seria o suficiente para mim. O objetivo era lutar pelo campeonato. Essa era minha meta”, apontou.

Agora ocupante de um cargo de embaixador da marca, e também responsável pelo teste e desenvolvimento de novas soluções nos veículos de rua, Schumacher aproveitou para frisar que a temporada 2013 está mostrando a força de seu ex-companheiro Rosberg, que possui mais triunfos do que o badalado Hamilton em dez rodadas. “As pessoas provavelmente estão entendendo um pouco mais o quão bom Rosberg é”, ressaltou.

Leia também:  José Aldo terá a revanche pelo cinturão contra o atual campeão Max Holloway
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.