A seleção brasileira derrotou o Uruguai por 83 a 69, em amistoso realizado em São Carlos (SP). O Brasil chegou a abrir mais de 20 pontos de vantagem, mas permitiu uma pequena reação uruguaia.

A Seleção realiza nesta quinta-feira o primeiro treino no Ginásio Rio Vermelho, em Goiânia. No próximo fim de semana, o Brasil vai disputar o Torneio Super 4 no Ginásio Internacional Newton de Faria, em Anápolis (GO), com as seleções da Argentina, México e Uruguai. O SporTV transmite o torneio ao vivo.

O Brasil começou melhor que o Uruguai, com destaque para Lucas Mariano, que fez três cestas de três seguidas. A defesa uruguaia não conseguia segurar o ataque da seleção brasileira, que abriu 22 a 17 ao fim do primeiro quarto.

Leia também:  União vence e assume liderança da Copa FMF

O Uruguai melhorou no segundo quarto e equilibrou a partida. O ataque brasileiro passou a ter mais dificuldade para penetrar no garrafão adversário. Assim, as equipes foram para o intervalo com os mesmos cinco pontos de vantagem para o Brasil: 37 a 32.

Na volta do intervalo, a seleção brasileira deslanchou e praticamente garantiu a vitória. Vitor Benite atuava bem no ataque, a defesa permitiu apenas 14 pontos do Uruguai no quarto, e o Brasil ampliou a vantagem para 64 a 46 ao fim do terceiro quarto.

O Brasil não atuou bem no último quarto e o Uruguai esboçou uma reação. Porém, a vantagem era grande e a defesa uruguaia não conseguia segurar o ímpeto do ataque brasileiro, comandado por Larry Taylor e Marcelinho Huertas. Com isso, apesar de o Uruguai conseguir diminuir a diferença, o Brasil fechou a partida em 83 a 69.

Leia também:  Reway estará em jogo das eliminatórias da Copa do Mundo

O amistoso faz parte da preparação das equipes para a Copa América da Venezuela, que será realizada de 30 de agosto a 11 de setembro. A competição irá classificar os quatro primeiros colocados para o Mundial da Espanha, em 2014..

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.