A Ferrari chegou a vencer duas provas este ano com o espanhol Fernando Alonso, mas a equipe, que não triunfa desde maio, tem perdido rendimento e sido superada pelos rivais. Felipe Massa crê que a parada da Fórmula 1 será crucial na tentativa da escuderia italiana de conseguir imprimir um ritmo mais forte e consistente depois de um início regular de temporada. Ainda que os times não possam trabalhar nos carros durante uma parte do período de férias, o brasileiro pensa que é vital que a Ferrari concentre todas as suas forças na preparação para o GP da Bélgica.

– O trabalho de desenvolvimento é muito importante. Precisamos fazer com que este carro seja mais veloz. Por isso estas quatro semanas são cruciais. Sabemos que os times precisam ficar sem trabalhar por duas semanas, mas o trabalho pensante é vital para pensar em novas estratégias para a próxima prova e conseguir uma segunda parte de temporada mais competitiva do que a primeira– afirma Felipe.

Leia também:  Colorado vence fora de casa e ganha moral na Copinha

O paulista sente que os novos pneus, introduzidos no GP da Hungria, podem ajudar o time de Maranello, ainda que ache que levará um tempo para ver o real efeito dos novos compostos.

– Vimos equipes como a Mercedes fazendo um bom trabalho com estes pneus. Em pistas com altas temperaturas, a Mercedes costuma ter mais problemas, mas ainda assim eles conseguiram vencer. Talvez estes pneus serão melhores para todas as equipes, mas precisamos esperar algumas semanas e diferentes pistas para sabermos. O fato é que nosso carro não é tão competitivo como o esperado e isso é a coisa mais importante para se resolver – conclui.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.