O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, disse nesta quarta-feira (28) que o governo não está cogitando aumento no preço dos combustíveis. Ele participou de reunião durante a tarde na sede da Petrobras, no centro do Rio.

“Não se está cogitando aumento, agora, do ponto de vista do governo. O que se pode dizer é que os preços dos combustíveis estão defasados no Brasil. A Petrobras tem tido algum sofrimento com isso, mas o governo conduz a matéria com todo o cuidado, para que não haja repercussão na economia, gerando inflação. Se de um lado nós temos a necessidade da Petrobras, do outro lado nós temos também os cuidados que o governo tem com a economia”, disse Lobão, que falou à imprensa na sede do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), no centro do Rio, quando abordou o blecaute que atingiu hoje a Região Nordeste.

Leia também:  Preço da gasolina sobe para R$4,11 nos postos de Rondonópolis
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.