O Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/MT) realiza nesta segunda-feira (05) em uma Assembleia Geral em Cuiabá para deliberação da greve da categoria no estado.

João Eudes Anunciação, representante da subsede de Rondonópolis do Sintep/MT, afirmou que diante a falta de avanço na negociação com o governo representantes dos municípios se reunirão para definir se irão ou não dar início a greve.

O sindicalista observou que Rondonópolis tem parecer favorável pela suspensão das atividades escolares, mas que será levada em consideração a avaliação dos outros municípios na votação que acontece hoje. Caso a maioria opte pela paralisação, ainda há um tempo para formalização e início da greve.

Leia também:  MP investiga causas de incêndio que destruiu 60% da aldeia Tadarimana

A pauta de reivindicações dos trabalhadores da educação exige a aplicação dos 35% dos recursos do Estado em educação, a realização de concurso público, cumprimento da hora-atividade, investimento nas unidades escolares e compromisso de valorização profissional do trabalhador por meio da dobra do poder de compra em um prazo estabelecido de no máximo 7 anos.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.