Acostumado a jogadas ríspidas, Marcelo Mattos viu a situação se inverter na vitória do Botafogo, por 4 a 2, sobre o Atlético-MG, na última quinta, no Maracanã. O volante levou a pior em uma dividida com Ronaldinho Gaúcho, que solou e acertou em cheio seu pé direito. Por conta desse lance, o jogador do clube de General Severiano teve que levar uma injeção no local para permanecer em campo durante os 90min.

Logo após o lance, Marcelo Mattos reclamou com Ronaldinho por alguns minutos, mas foi depois do apito final que ele desabafou. O volante do Botafogo não minimizou a entrada do camisa 10 do Atlético-MG e acusou o adversário de ter sido “maldoso” na disputa.

Leia também:  Holloway vence a luta contra José Aldo

“Precisei jogar água algumas vezes no pé por causa de um lance do Ronaldinho Gaúcho no primeiro tempo. Veio na maldade e quase me tirou do jogo. Tomei injeção no intervalo, deu para seguir na partida. Agora, é descansar que tem outra pedreira pela frente”, disse o atleta à Rádio Tupi.

Marcelo Mattos se refere à partida contra o Atlético-PR, neste domingo, na Vila Capanema. O jogo é válido pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro, liderado pelo Botafogo com 29 pontos.

Curiosamente, Marcelo Mattos não poderá poderá reencontrar Ronaldinho Gaúcho na partida de volta contra o Atlético-MG, na próxima quarta-feira, no Independência, em Belo Horizonte. O volante recebeu o terceiro cartão amarelo e cumprirá suspensão automática. Renato e Lucas Zen são os favoritos para a titularidade da posição.

Leia também:  Jogador Edilson "capetinha" é preso por falta de pagamento de pensão
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.