Após recusar enfrentar Tim Kennedy, Vitor Belfort tem em mente dois nomes para a sua próxima luta. A esposa e empresária do carioca, Joana Prado, revelou ao Combate.com que a ideia de Vitor é enfrentar Chael Sonnen. Caso esse duelo não seja possível, Dan Henderson é a segunda opção. A outra exigência é que a luta não seja no peso-médio.
– Eu acho que o Chael Sonnen seria uma luta interessante ou em um peso combinado ou no meio-pesado. Acho que (o próximo combate) seria Belfort x Chael Sonnen. Nos médios, a gente só pega o vencedor de Chris Weidman contra Anderson silva. Acho que o Sonnen é o melhor nome em termos de repercussão de luta e em termos de evento no Brasil, em Las Vegas ou em qualquer outro lugar. Ele, além de ser bom lutador, é um belo promotor, então acho que ele promoveria bem essa luta – disse Joana.
A esposa e empresária de Vitor Belfort ainda brincou sobre a possibilidade de Chael Sonnen enfrentar o seu marido depois de uma derrota – o americano enfrenta Mauricio Shogun no dia 17 de agosto, em Boston (EUA).
– Não (tem problema), seria só mais uma derrota no cartel dele (risos).
Nesta terça-feira à noite, durante o programa oficial do UFC na TV americana, o “UFC Tonight”, Sonnen disse que estaria disposto a enfrentar Belfort no UFC 168, dia 28 de dezembro, evento que terá Chris Weidman x Anderson Silva na luta principal. Para Joana, vale qualquer data nos dois últimos meses do ano.
– Tanto faz. O Vitor vai estar pronto. Ou em novembro ou em dezembro dá para ele lutar – declarou.

Leia também:  Alto Araguaia será representada por quatro tenistas na Copa das Federações em MG

Em novembro, o Brasil vai receber mais um evento. No dia 9, Goiânia vai sediar a última edição do Ultimate no país no ano e pode ser mais uma opção para abrigar o próximo duelo de Vitor Belfort.

Dana sugere Rasha Evans

Caso a negociação para o combate contra Chael Sonnen não vá para a frente, Joana Prado vê com bons olhos um confronto contra outro veterano.
– Dan Henderson também acho que seria uma luta legal. Cheguei a sugerir esse nome também. A prioridade é o Chael Sonnen. Se não der, o Dan Henderson seria bacana.
Se Sonnen e Hendo são as duas opções de Belfort para a sua volta ao octógono, o Ultimate parece ter outros planos. Em entrevista concedida durante o UFC World Tour desta terça-feira, em Los Angeles (EUA), o presidente Dana White indicou um duelo contra um ex-campeão meio-pesado.
– Ele (Belfort) não quer lutar contra Tim Kennedy? Então vamos fazer com Rashad (Evans) no meio-pesado – respondeu o dirigente, não dando importância para o fato de que Vitor e Rashad treinam juntos na Blackzilians.

Leia também:  Brasil joga primeira partida do Grand Prix em Cuiabá

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.