A equipe de fiscalização do Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) determinou um preço fixo por tabela para as bebidas na 41ª Exposul em Rondonópolis estipulado em R$ 3 por bebida.

A equipe do site AGORA MT recebeu várias reclamações de populares que estão prestigiando o evento, onde os mesmos alegam que em algumas barracas o preço das bebidas estão saindo há R$ 5.

Segundo o coordenador do Procon, Juca Lemos, as práticas abusivas podem estabelecer multas que varia de R$ 200 a R$ 3 milhões, de acordo com o tamanho do estabelecimento. “Não estava sabendo que há barracas abusando dos preços, até porque não recebi nenhuma reclamação a respeito, agora então vamos realizar uma operação padrão nessas barracas” afirma o coordenador.

Leia também:  CDL entrega primeira remessa de doações para as entidades

Além do problema com as bebidas outra reclamação é a respeito do preço dos alimentos. “É um absurdo, o preço das bebidas e dos alimentos estão muito caro, eu e minha família viemos passear no município e resolvemos vir à Exposição, nós somos em quatro, imagina o que não me custou esse passeio” afirma Manoel Fernando Silva.

Juca Lemos afirma que o Procon irá realizar uma pesquisa nos preços dos alimentos que estão sendo vendidos no evento para comparar com os preços na cidade. “Essa pesquisa vai servir para estipular tabela para o próximo ano” afirma o coordenador.

Nos primeiros dias do evento os estudantes também estavam passando por problemas no que diz respeito a ‘Lei da Meia Entrada’, onde eles não portavam atestados fornecidos pelas escolas alegando não conseguir retirar o documento devido ao movimento grevista envolvendo os servidores da Rede Estadual de Educação. “O problema já está resolvido com a direção do Parque que está aceitando os cartões utilizados pelos estudantes no transporte coletivo como comprovante de frequência escolar” diz Juca.

Leia também:  Crise na UFMT pode dificultar autonomia do campus local

 

 

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.