Momento em que Silval assinava a ordem de serviço - Foto: Ricardo costa / AGORA MT
Momento em que Silval assinava a ordem de serviço – Foto: Ricardo Costa / AGORA MT

O governador Silval Barbosa (PMDB) assinou na manhã desta sexta-feira (16) a ordem de serviço para as obras de ampliação de 20 leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) para o Hospital Regional de Rondonópolis. O encontro que aconteceu no auditório da instituição reuniu várias autoridades políticas do Estado entre deputados estaduais, federais e secretários, além de vereadores.

O diretor da São Camilo, que é quem administra o Hospital Regional, Vagner Dias, afirmou que o investimento de R$ 4 milhões do Governo Estadual  irá aumentar em 200% os leitos de UTI, sendo que 10 serão dedicadas aos adultos e 10 serão para acolher crianças. “Atualmente temos apenas 10 leitos de UTI para atender uma população que chega a 500 mil, já que o hospital é referência para toda a região. Com essa iniciativa do Governo vamos poder melhorar o atendimento”, diz o diretor.

Leia também:  Obra de reforma é lançada na Escola CPAC São José

O governador de Mato Grosso, Silval Barbosa, afirmou que a Saúde avançou muito em seu Governo e que esse investimento em UTI é mais uma das coisas que fará para melhorar o setor. “A Saúde está melhorando, sei que falta muita coisa ainda e que eu gostaria de ter mais para oferecer, mas infelizmente temos um orçamento para cumprir e que não depende da minha vontade”, alega.

Já o prefeito Percival Muniz (PPS) aproveitou a sua fala para agradecer ao promotor de Justiça Ari Madeira que mobilizou a sociedade e conseguiu mostrar a gravidade do problema devido a falta de UTI. “Devido a isso a comunidade entrou em um consenso que mostra que um dos principais problemas da Saúde hoje é a falta de UTI”, conta Muniz.

Leia também:  Cáritas Diocesana realiza projeto: 75 anos em defesa da vida

Outro que não foi esquecido no discurso de agradecimento do prefeito foi o deputado federal Carlos Bezerra (PMDB) que foi quem intermediou para que o Governo pudesse atender essa demanda de Rondonópolis (leia aqui).  Também estavam presentes hoje os deputados Wellington Fagundes (PR), Ondonir Bortolini (Nininho-PR), J. Barreto (PR) e Teté Bezerra (PMDB).

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.