Reviravolta. A TV alemã RTL, que cravou neste domingo que Kimi Raikkonen já está assinado com a Ferrari, nesta segunda-feira traz outro rumor que pode cair como uma bomba no circo da Fórmula 1. De acordo com a publicação, quem sairia para a chegada do “Homem de Gelo” não seria Felipe Massa, mas sim Fernando Alonso, que iria para Lotus. O presidente da Ferrari, Luca di Montezemolo, disse no paddock de Monza que a decisão sobre a dupla de pilotos em 2014 sairá nos próximos dias. Caso concretizado, o troca-troca de equipes entre Kimi e Alonso será uma das maiores reviravoltas da história do mercado de pilotos da Fórmula 1. Tudo porque, no fim de 2009, a Ferrari dispensou os serviços do finlandês justamente para trazer o espanhol.

Leia também:  Holloway vence a luta contra José Aldo

Tanto Kimi quanto Alonso têm histórias de sucesso com suas antigas (e quem sabe futuras) equipes. O finlandês é o único a ser campeão pela Ferrari após a “Era Schumacher”. Já os dois únicos títulos de Alonso na F-1, em 2005 e 2006, foram com a Renault, que se tornou a Lotus.

Segundo o site da TV, a Ferrari, que sempre deixou claro que os interesses da equipe estão acima qualquer piloto, estaria irritada com os seguidos mal-estares provocados por Alonso e com o perfil do espanhol. No GP da Itália deste fim de semana, o espanhol ironizou a decisão da equipe durante o treino classificatório: “Vocês são uns gênios”. Após o GP da Hungria, no mês passado, ele já havia feito críticas à Ferrari, o que resultou em uma bronca pública do presidente da Ferrari, Luca di Montezemolo. O site afirma que Alonso também estaria cansado com o time de Maranello, que não consegue lhe dar um carro tão competitivo quanto a RBR de Sebastian Vettel. Por este motivo, o próprio espanhol, antes dos rumores sobre Kimi esquentarem, teria pedido o seu empresário para sondar a RBR e a Lotus. Sem vaga na RBR com a chegada de Daniel Ricciardo, Alonso projeta reatar a parceria com a Renault, que deu lugar à Lotus, mas poderia retomar o comando do time.

Leia também:  Alto Araguaia será representada por quatro tenistas na Copa das Federações em MG

Felipe Massa se reúne com presidente da Ferrari nesta semana

Já Raikkonen, insatisfeito com a falta de garantias da Lotus em termos de competitividade nos próximos anos, sempre fez questão de deixar seu destino na categoria em aberto. Após as negociações com a RBR fracassarem, ele teria voltado suas atenções para a Ferrari. A situação de Felipe Massa segue indefinida. Em Monza, o presidente da Ferrari, Luca di Montezemolo, revelou que terá uma conversa com o brasileiro nesta semana antes de tomar a decisão sobre a dupla de pilotos. Caso Massa permaneça e Kimi chegue, os dois reeditarão a dupla das temporadas 2007, 2008 e 2009.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.