Levantamento realizado pela Federação Nacional dos Distribuidores de Veículos em Mato Grosso (Fenabrave-MT) aponta que em agosto 10.522 veículos foram emplacados no Estado. O número é 10,7% menor em relação ao mesmo período do ano passado, quando 11.785 veículos foram emplacados. Porém, no acumulado do ano, o Estado ainda segue com saldo positivo de 4,6%, com mais de 80 mil veículos comercializados em 2013.

Entre os veículos com maior número de emplacamentos em agosto estão as motos, com 4.380, seguido dos automóveis, com 3.926, comerciais leves (caminhonetes), com 1.783 e os caminhões, que registraram um total de 400 vendas.

Segundo o diretor regional da Fenabrave-MT, Manoel Guedes, mesmo com o esforço do governo, o mercado não está aquecido. “Apesar de as motos terem registrado o maior número de vendas em agosto, houve uma queda de 8% em relação ao mês anterior, o que nos faz constatar que ainda continuamos com o problema da alta inadimplência, da restrição de crédito e de uma análise mais rígida dos contratos de financiamento”, pontuou o diretor.

Leia também:  Produção brasileira de grãos deverá crescer 21,5% em 10 anos, estima ministério

O mesmo acontece com o setor de caminhões, que registrou o menor número de emplacamentos do mês de agosto. “Houve uma melhoria para o cliente com a queda dos juros para a aquisição deste tipo de veículo. Porém, as instituições financeiras não se sentem seguras na liberação de crédito e estão se arriscando menos, e o setor em contrapartida, fica estagnado”, conclui Guedes.

Já o setor de automóveis, encontra-se em período de alta concorrência, o que na opinião do diretor regional da Fenabrave gera saturação do mercado. “Quando um cliente chega a uma concessionária pretendendo comprar um automóvel ele sabe que além de encontrar uma infinidade de veículos de uma determinada marca, ele ainda possui outras opções. Porém, a restrição de crédito como nos outros casos mencionados também contribui para a redução da comercialização no setor”, finalizou Manoel Guedes.

Leia também:  Bloqueio de verbas não consegue mais conter aumento da dívida pública

Ainda no mês de agosto, Cuiabá teve o melhor desempenho entre as cidades mato-grossenses, registrando 2.921 emplacamentos.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.