Felipe Massa escapou de punição por um incidente nos treinos livres para o GP da Itália, em Monza. Nos segundos finais da primeira sessão, o brasileiro deixou os pits para fazer treinamentos de largada. Porém, no caminho até a entrada da pista, o cronômetro zerou. Ao ver o sinal ficar vermelho, Massa chegou a frear, mas acabou ultrapassando a linha branca que delimita a saída dos boxes. Apesar do brasileiro ter parado o carro e voltado a pé, o incidente foi investigado pelos fiscais, por ter infringido o artigo 31.3 do regulamento. Já a Ferrari não passou ilesa. Considerada culpada pelo episódio, foi multada em 10 mil euros (cerca de R$ 30 mil).

– O piloto fez o possível para parar quando viu o sinal vermelho. No entanto, a equipe cometeu um erro em liberar o piloto com tempo insuficiente no fim da sessão. Não houve vantagem esportiva – diz o comunicado dos comissários do GP da Itália.

Leia também:  Pesso chega e começa a montar o União

Tem sido um fim de semana difícil para Massa, que ainda não renovou para 2014. Buscando impressionar a Ferrari no GP caseiro da escuderia, o brasileiro terminou o dia com o oitavo melhor tempo, ao anotar 1m25s519 no segundo treino livre. Ele ainda perdeu os minutos finais dessa atividade em razão de problemas no motor do carro. Já na sessão de abertura, o brasileiro foi apenas o 14º. O mais veloz de sexta-feira foi Sebastian Vettel (RBR), com 1m24s453.

Válido pela 12ª etapa da temporada 2013, o GP da Itália está marcado para este domingo, 8 de setembro, com transmissão ao vivo da TV Globo às 9h (de Brasília).

Leia também:  Brasil joga primeira partida do Grand Prix em Cuiabá
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.