Gracyanne Barbosa recebeu o EGO em sua casa para falar da chegada dos 30 anos (Foto: Roberto Teixeira/EGO)
Gracyanne Barbosa recebeu o EGO em sua casa para falar da chegada dos 30 anos (Foto: Roberto Teixeira/EGO)

Virginiana, nascida em 20 de setembro no Mato Grosso do Sul e com um temperamento bastante definido, Gracyanne Barbosa tem motivos de sobra para comemorar seus 30 anos em grande estilo. Vivendo o que ela mesma denominou como “conto de fadas”, a esposa do cantor Belo traçou seu destino ao chegar no Rio de Janeiro com 16 anos e tendo a chance de ingressar no mundo da fama como dançarina em um grupo de axé music.

“Passei dificuldade e até mesmo fome para chegar até aqui. Se queremos uma coisa, se desejamos um sonho, temos que correr atrás dele e fazer acontecer. Hoje sou uma mulher realizada e vivo totalmente inserida num conto de fadas”, disse a aniversariante.
Em entrevista ao EGO, Gracyanne abriu sua alma feminina e falou sobre os desejos e sonhos que tem como mulher. Entre eles, a maternidade que já começa a ser planejada.

Você chegou ao Rio de Janeiro com 16 anos, ainda uma menina, mas já tinha em mente essa vontade de se tornar conhecida?
Gracyanne Barbosa: Cheguei aqui com pretensões de fazer faculdade e me realizar profissionalmente. Queria ajudar a minha família. Fiz o vestibular e passei para Direito, mas várias coisas aconteceram nesse momento. Deus me agraciou muito com o Tchakabum na minha vida. Eu não me via fazendo isso, mas foi o começou de tudo, foi a primeira porta aberta para mim. Fiquei dez anos e me firmei na carreira. Dança eu sempre gostei, sou bailarina. Me encantei pela coisa do palco e fui aprendendo. Era uma pessoa muito tímida e tive a ajuda de muita gente nesse comecinho.

Leia também:  Resumo de novelas desta sexta-feira (06)

Com o trabalho consolidado, faltava apenas uma paixão. Como foi o primeiro encontro com o Belo?

Foi através do Tchakabum que entrei para o mundo do carnaval e lá conheci o Belo. Sempre quis construir uma família. Embora os meus pais sejam separados, sempre tive essa ideia de ter a minha família, mas não achei que fosse encontrar uma pessoa como o Belo. Ele é o príncipe do meu conto de fadas por mais que pareça hipocrisia dizer isso. Aprendo muito com ele. Ele é infinitamente uma pessoa melhor do que eu. Tem um coração muito bom e está sempre disposto a ajudar todo mundo, uma coisa que eu não sabia fazer.
Muita gente conhece apenas a Gracy da academia, aquela que malha o corpo todos os dias ou a do carnaval. Quem é essa mulher de verdade?
Por mais que eu malhe, me sinto muito feminina, sou uma mulher como todas as outras, mas que tem esse objetivo com o corpo. Tem gente que me acha masculinizada ou então pensa que eu não tenho sentimentos por causa da forma física. A minha feminilidade aumenta quando estou ao lado do meu marido. É aquela coisa da carne mesmo, entre duas pessoas, e que não tem como descrever. Outro momento que me deixa bastante em contato com essa feminilidade é quando estou dançando. Acham que eu só sei fazer academia. Faço aulas de dança, de vários estilos e a minha sensualidade aflora ali.

Leia também:  Resumo de novelas desta quarta-feira (26)

Completando 30 anos, você já diagnosticou algum sintoma da famosa “crise dos 30”?
Passa longe essa história de crise dos 30. Me sinto jovem e a única coisa que me preocupa sobre idade é a questão da gravidez. Fico pensando que já estou com 30, o Belo tem dez anos a mais do que eu e ele também quer o filho, mas não é uma crise. Estamos planejando para acontecer na hora certa.

Como se define aos 30 anos?
Mais madura, paciente, cautelosa, carinhosa e amorosa. Aos 20, eu não era assim. Tenho vários defeitos, sou virginiana e chata, mas melhorei muito. Não é difícil ser Gracyanne .Já foi mais difícil no início. Passei por momentos que não gostaria de ter passado. A minha vida é maravilhosa, sou uma pessoa muito feliz. Não tenho aqueles momentos de reclamar do meu dia. Mesmo quando estou na correria dos trabalhos e fico sem ver a minha família ou o meu marido, sempre acontecem coisas boas.

Leia também:  Resumo de novelas desta terça-feira (17)

Você se imagina no futuro aos 60 anos?
Eu me imagino com o mesmo alto-astral, com uma saúde maravilhosa, com meus filhos e netos correndo pela casa e a minha família toda próxima. Vou trabalhar menos para curtir mais. Vou ser uma coroa gostosona aproveitando a vida.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.