Conversa entre os moradores e o secretário de habitação - Foto: Varlei Cordova/AGORA MT
Conversa entre os moradores e o secretário de habitação – Foto: Varlei Cordova/AGORA MT

Com medo de serem despejados os moradores do bairro Jardim Liberdade 2 cobraram, na manhã desta quarta-feira (18), uma explicação do secretário municipal de Habitação, Ildo Rodrigues, sobre o pedido de desocupação das casas.

Carlito da Silva, representante dos moradores do bairro, argumentou que tiveram conhecimento que o secretário iria despejá-los das residências, o que trouxe preocupação tendo em vista os investimentos que foram realizados nas moradias.

Na reunião com os moradores, o secretário relatou que houve uma falha na comunicação e que será mantido o acordo onde se comprometeu em deixar os moradores de uma área de reserva da prefeitura, até que a construção das casas pelo programa habitacional seja concluída, onde as pessoas que se cadastraram no projeto e apresentaram os documentos serão beneficiadas.

Leia também:  Feira do Empreendedor dá espaço para campanha

Ildo observou que nem todos os moradores terão que desocupar a área e que grande parte das pessoas que reclamaram já estão incluídos no programa de regularização fundiária. Mas aqueles que não apresentaram os documentos e nem estão amparados pelos programas terão que desocupar o imóvel.

O questionamento dos moradores se deu a partir da notificação de um morador que iniciou a construção em uma área indevida. A reunião foi intermediada pelos vereadores Adonias Fernandes, Thiago Silva, Cláudio da Farmácia, ambos do PMDB e Cido Silva (PP).

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.