Foto: reprodução
Foto: reprodução

Você tem dúvida sobre o melhor tipo de véu para um vestido mais moderno e com modelagem seca? Ou sua saia é muito ampla e você não tem ideia se pode usar uma mantilha trabalhada? A estilista Solaine Piccoli dá algumas dicas para escolher o acessório perfeito do grande dia:

Proporções ideais para um look harmônico
Chamado de véu catedral, o acessório longo pode ter de dois a cinco metros de comprimento, mas se você escolheu um vestido com cauda, cuidado para não optar por um véu com dupla camada ou volumoso demais e acabar com dificuldade para andar e um visual poluído. “Se o vestido tem saia ampla, prefira um véu sem bordados. Ele pode ser longo ou até um voilette, mas o ideal é que o detalhe seja um viés contornando o acessório. A mantilha longa também pode ficar bem”, diz Solaine.

Leia também:  Conheça a tendência sereísmo 2017 | Moda e Beleza

Atenção para o excesso de informação
Se o vestido eleito tem mangas, mesmo que curtas, Solaine recomenda um véu liso: “É a melhor opção para que não haja excesso de informação. Misturar mangas, bordados no vestido e no véu pode resultar em um visual poluído. Se o vestido é todo em renda, opte também por um véu liso, independente do comprimento”. A estilista diz que o véu também pode ter comprimento longo. “Noivas mais tradicionais podem combinar modelos de mangas longas com mantilhas clássicas”, complementa.

Decote em equilíbrio com o acessório
Queridinho das noivas brasileiras, o tomara-que-caia pode ser usado com todo tipo de véu. Se o vestido não é confeccionado em renda ou contém aplicação de bordados é possível usar o véu todo em renda, a tradicional mantilha e até um modelo em tecido point d’esprit, contém pequenos poás em toda sua extensão. “Vestidos com decote do tipo frente única ficam melhor com véu longo ou mantilha. Assim o colo é valorizado, mas também existe uma certa cobertura durante a cerimônia”, orienta a especialista.

Leia também:  Confira modelos de faixas coloridas para bebês | Moda e Beleza

Look contemporâneo também pode ter véu
Você acha que um vestido de noiva curto e super moderno não combina com véu? Para Solaine, o acessório deve fazer parte do look, desde que esteja no comprimento certo. “O véu ponta de dedo, que como o nome indica termina na altura das pontas dos dedos da noiva, não deve ser utilizado com vestidos curtos, já que ele iria coincidir com a barra do modelo, deixando o visual desproporcional. Neste caso, opte por voilettes ou véus na altura do ombro para equilibrar a proporção”, recomenda Solaine. Os looks com modelagem sem volume, confeccionados em tecidos lisos e sem aplicações, também podem contar com véus mais elaborados: “Um vestido com modelagem mais seca fica lindo com véus longos, que podem conter viés, renda ou até pérolas bordadas”.

Leia também:  Conheça a tendência sereísmo 2017 | Moda e Beleza

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.