Um casal de traficantes foi preso em flagrante em uma operação conjunta da Polícia Judiciária Civil e Polícia Militar, realizada na madrugada de domingo (27), na comunidade Conselvan, a 80 km de Aripuanã . Os acusados Jadir Rodrigues Padilha, 41 e Débora dos Santos Severino, 24, foram encontrados com mais de 230 pedras de crack, que seriam revendidas em Aripuanã.
A prisão aconteceu após denúncia anônima que levou os policiais até um hotel na comunidade. No local, o casal foi encontrado com 232 pedras de crack, R$ 750,90, em dinheiro trocado característico da atividade de tráfico, 02 cheques nos valores de R$ 250 e R$ 120, além de outros objetos como joias, celulares possivelmente de usuários que trocaram por drogas.
Os acusados foram conduzidos a delegacia, onde em depoimento, Jadir negou ser o dono da droga e disse poder comprovar a origem do dinheiro. Ele foi autuado pelo crime de tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e corrupção ativa, uma vez que tentou subornar os policiais no momento da operação.

A acusada Débora preferiu não prestar esclarecimentos e foi autuada por tráfico de drogas.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.