Agora MT Brasil Ganhador da Mega-Sena no Paraná tem até as 16h para retirar prêmio
BRASIL

Ganhador da Mega-Sena no Paraná tem até as 16h para retirar prêmio

Fonte: Da redação com G1 Nacional

Termina na terça-feira (8) o prazo para o apostador de Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais do Paraná, retirar o prêmio de R$ 22.933.056,04 da Mega-Sena. As dezenas foram sorteadas no dia 10 de julho e o ganhador teve 90 dias para procurar qualquer agência da Caixa Econômica Federal no país. Mesmo com a greve dos bancários, a Caixa informa que o milionário tem até as 16h para resgatar o dinheiro.

De acordo com informações da Caixa, se o apostador tivesse aplicado o valor integral na caderneta de poupança no dia seguinte ao sorteio e não tivesse utilizado o dinheiro, poderia ter lucrado aproximadamente R$ 206 mil até esta segunda-feira (7).

Os números sorteados no concurso 1.510 foram 01 – 08 – 17 – 44 – 46 – 53. Caso o vencedor não retire o dinheiro, o valor total será repassado para o Tesouro Nacional para aplicação no Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (FIES).
Boatos entre Moradores

Segundo a gerente da lotérica, Valquíria Kubisch, na semana do resultado, um funcionário da prefeitura foi até o estabelecimento dizendo que era o novo milionário. “Ele falou com uma de nossas funcionárias e disse que não era para contar para ninguém que ele havia faturado o prêmio”, conta. Valquíria afirma que esta pessoa nunca mais apareceu na lotérica.

Os boatos do que poderia ter acontecido com o ganhador da Mega-Sena surgem diariamente no estabelecimento. “Muitas pessoas vêm até a lotérica e dizem que a esposa deste funcionário da prefeitura lavou a calça do marido com o bilhete no bolso. Também disseram que, por causa disso, ele ficou no hospital e teve um infarto”, revela.

Entre os moradores, surgem várias histórias. A empresária Francielle Favarin imagina que o apostador acabou jogando o bilhete no lixo. “De repente, naqueles dias de faxina em que você vai jogando tudo, ele jogou o cartão por engano”, comenta. Já o estudante Alison Nabozny acredita que o ganhador recusou o prêmio. “Às vezes, ele já tem muito dinheiro e decidiu não pegar o dinheiro”, brinca.

Para o aposentado Gilberto de Paula, existem duas hipóteses. “Ele perdeu o bilhete ou ele morreu”, afirma. Paula, que sempre faz apostas na loteria, acredita que a pessoa não vai aparecer para resgatar o prêmio. “Esse não pega mais. Parece coisa de novela”.

Relacionadas

Enem estende até dia 21 inscrições para estudantes gaúchos

O ministro da Educação, Camilo Santana, anunciou neste sábado (15), em suas redes sociais, que o sistema de inscrições para o Exame Nacional do...

Comissão do Senado adia votação do PL que regulamenta cigarro eletrônico

A votação do Projeto de Lei (PL) 5.008/2023, que regulamenta a produção, a comercialização, a fiscalização e a propaganda de cigarros eletrônicos no Brasil...

Risco de acidente em rodovias federais sob gestão pública é maior

Em 2023, o risco de acidentes em rodovias federais sob gestão pública no Brasil foi 3,2 vezes maior do que nas concedidas à iniciativa...

Famílias mais pobres são as mais afetadas pela inflação de 2024, mostra indicador do Ipea

Quanto mais pobre a família, mais afetada ela foi pelo aumento de preços nos cinco primeiros meses deste ano. É o que mostra o...

Eventos climáticos extremos mais que dobraram no Brasil nos últimos 30 anos, mostra estudo

Os eventos climáticos extremos mais que dobraram nos últimos 30 anos no Brasil, passando de 9.772 entre 1993 e 2002 para 30.602 entre 2013...

Governo Federal deixou de arrecadar R$ 140,8 bi em 2022 com benefícios para importação

O Governo Federal deixou de arrecadar R$ 104,8 bilhões em 2022 com isenções fiscais para importação. Deste total, a maior parte (74,2%) foi para...

STF julga nesta terça-feira se torna réus os suspeitos de planejar assassinato de Marielle

A Primeira Turma do STF (Supremo Tribunal Federal) julga nesta terça-feira (18) uma denúncia da PGR (Procuradoria-Geral da República) contra os suspeitos de terem...

Correção monetária do FGTS entra na pauta do Supremo nesta quarta-feira

O Supremo Tribunal Federal volta a julgar nesta quarta-feira (12) o processo que discute a correção monetária do Fundo de Garantia do Tempo de...

Governo Federal cria sala de situação para acompanhar queimadas na Amazônia e no Pantanal

A ministra do Meio Ambiente e Mudança do Clima, Marina Silva, anunciou nesta sexta-feira (14) a criação de uma sala de situação para acompanhar...

Especiais

Últimas

Editoriais

Siga-nos

Mais Lidas