Rondonópolis já sofre, ao longo dos anos, com o crescimento desordenado que aflige algumas cidades. Junto com o desenvolvimento, vêm, também, as desigualdades sociais. A Casa Esperança, criada em Rondonópolis há 14 anos, é uma entidade filantrópica que trabalha para ajudar estas pessoas que vivem à margem da sociedade.

Desde o começo do ano, o deputado Ondanir Bortolini (PR), Nininho, vem trabalhando para liberar um recurso junto à Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social no valor de R$ 137.835. A solicitação foi feita ao parlamentar em fevereiro pela presidente da instituição, Abadia Miranda. “Sempre tivemos ajuda do Nininho; ele já é considerado o padrinho da Casa. Só temos a agradecer a disposição com que ele trabalhou para que esse recurso fosse liberado”, afirma Abadia. “Nós só queremos dar um pouco de dignidade a esses seres humanos esquecidos pela maioria das pessoas”, desabafa a presidente.

Leia também:  Temperatura cai e 1° dia útil de junho deve ser de chuva em Rondonópolis

O parlamentar acredita que esse trabalho é essencial para a cidade. “O trabalho que dona Abadia faz em Rondonópolis é muito bonito e merece todo nosso apoio. Quero parabenizar todos da Casa Esperança, em nome da dona Abadia e me colocar à disposição para ajudar sempre que necessário,” afirmou Nininho.

Esse recurso será destinado à alimentação dos assistidos pela instituição.

A Casa

A Casa Esperança atende pessoas em situação de rua (sem tetos), dependentes químicos, alcoólatras ou que estejam em extrema pobreza. A instituição oferece refeições gratuitas, pernoites, serviços sociais de saúde física e psicológica, além de encaminhamentos para as redes socioassistenciais.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.