Abertura dos trabalhos da campanha Outubro Rosa – Foto: Ronaldo Teixeira/AGORA MT
Abertura dos trabalhos da campanha Outubro Rosa – Foto: Ronaldo Teixeira/AGORA MT

No 1º semestre de 2013 foram registrados em Rondonópolis seis mortes por câncer de mana e uma por câncer no colo do útero. Com intuito de reduzir estes números a Secretaria Municipal de Saúde, Conselho Municipal dos Direitos das Mulheres e Promotoria de Justiça, realizaram na tarde desta terça-feira (01) a solenidade de abertura da campanha Outubro Rosa, que deve atender 4 mil mulheres nas unidades de saúde.

A gerente do Programa de Saúde da Mulher, Ana Maria Lino, observa que em Rondonópolis há cerca de 53 mil mulheres, com idade entre 25 e 64 anos, que devem realizar os exames preventivo, contudo nem todas mulheres tem a preocupação de procurar as unidades de saúde regularmente e a campanha vem de encontro para sensibilizar as mulheres quando a necessidade da prevenção.

Leia também:  ACIR pede providências para retomada da sincronização dos semáforos

Lino destacou que durante o mês serão várias atividades na cidade, além de palestras para fins de orientação e conscientização, bem como a realização de exames clínicos.

A secretária de Saúde, Marildes Ferreira, reforçou que foi ampliado o pedido de exames para dar suporte aos servidores para atender o maior número de mulheres possível, mas frisou que mais importante do que a campanha é a participação e procura do público feminino para realizar os exames regularmente.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.