O número de motocicletas emplacadas em setembro somou 117.754 unidades, resultado 8,8% inferior ao registrado no último mês de agosto e 2,2% maior que os licenciamentos feitos no mesmo mês do ano passado. No acumulado de janeiro a setembro houve queda de 9,1%, com 1.129.282 motocicletas emplacadas.

Os dados são da Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo). O levantamento mostra que a produção sobre o mês de agosto caiu 4,7%. No entanto, em comparação ao mesmo mês do ano passado, a fabricação aumentou 14,6%.

Em nota, o presidente da entidade, Marcos Femanian, disse que o volume maior produzido sobre setembro de 2012 pode ser atribuído aos novos modelos. “As montadoras investem na inovação da indústria de motocicletas, acompanhando as tendências mundiais no que se refere a design, performance e segurança”.

Leia também:  Yes! Cosmétics | Lojista aposta em kits para o Dia dos Pais

Para o executivo, tanto as vendas quanto a produção deverão fechar o ano em queda. As vendas ao exterior nos nove primeiros meses do ano chegaram a 76.622 unidades, ligeiramente abaixo do total exportado no mesmo período de 2012, quando alcançaram 76.961.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.