Em outubro, 181 pedidos de falência foram registrados em todo o país, segundo levantamento divulgado hoje (11) pela empresa de consultoria Serasa Experian. Em comparação a setembro, que registrou 156 requerimentos, a alta foi de 16,02%. Na comparação com o mesmo mês do ano passado – 152 pedidos -, o aumento foi de 19,07%.

As micro e pequenas empresas foram responsáveis por 94 pedidos, que correspondem a 51,9% do total. Em seguida, aparecem as grandes e médias empresas, com 48 e 39 requerimentos de falência, respectivamente.

De acordo com a entidade, houve aumento de 112,2% no número de recuperações judiciais requeridas em outubro, ou seja, 104 frente a 49 no mesmo período de 2012. Do total, as micro e pequenas empresas respondem por mais de 78% dos pedidos (82). As grandes empresas ficaram em segundo lugar, com 12 pedidos, e as médias em terceiro, com 10.

Leia também:  Preço do diesel e da gasolina são reajustados nas refinarias

Segundo os economistas da Serasa, o aumento de pedidos tem relação com a constante alta das taxas de juros e com o atual cenário de baixo crescimento econômico.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.