O que muitos já vislumbravam como o principal adversário do oposicionista Pedro Taques (PDT) em uma possível disputa ao Governo do Estado em 2014, o juiz federal, Sebastião Julier (sem partido), parece não ser a “última bolacha do pacote” como muitos já profetizavam para a disputa.

Segundo fontes da Coluna BASTIDORES, Julier não é nome de consenso no grupo, que se recente da posição de Julier como juiz federal para escancarar e abrir o jogo dizendo que ele não tem espaço na disputa interna.

Com o nome de Julier vetado, mesmo que veladamente, o nome do ex-vereador Lúdio Cabral (PT), que quase “faturou” a prefeitura de Cuiabá no último pleito têm ganhado força na base aliada e alguns já apostam no nome do petista para vice de Blairo Maggi (PR).

Leia também:  Projeto de 2015 pode interferir em situação de residenciais
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.